RBD perde apenas para Michael Jackson em vendas de artistas internacionais no Brasil

Vamos colocar mais um número histórico no currículo do RBD no Brasil? Segundo informações do ChartMasters, o sexteto é o segundo artista internacional que mais vendeu no país desde 2003, ficando atrás apenas de Michael Jackson.

Entrevista: Nathy Peluso – “Me definir é simplificar minha música”

Nas duas últimas décadas, a formação superou nomes como Beyoncé, Madonna, Queen, U2, Adele, AC/DC, One Direction e Mariah Carey no TOP 10, somando 2,3 milhões de cópias vendidas.

O Rei do Pop, morto em 2009, vendeu 2,8 milhões de discos. O RBD está quase 1 milhão à frente da terceira colocada, Bey, com 1,5 milhão.

A descrição do ChartMasters

A sensação do adolescente destruiu as paradas latino-americanas durante a segunda metade dos anos 2000. Sua novela os tornou superestrelas da TV e seus discos venderam muito bem.

LatinPopCast #24: Qualidade x números – a herança de Despacito

Suas vendas totais também devem ser interpretadas com um asterisco, já que seus álbuns em espanhol também foram traduzidos e gravados em português, sem esses álbuns na língua local seu total cai para 1,71 milhão.

Sua estreia homônima vendeu bem em ambas as versões, espanhol (188.300 unidades rastreadas) e português (331.500). O acompanhamento Nuestro Amor soma 245.000 e 222.000, respectivamente.

+ Leia Mais: Laura Pausini está pré-indicada ao Oscar

Eles também emitiram sets ao vivo, Tour Generación En Vivo registrou pelo menos 214.500 vendas, enquanto Live In Hollywood se saiu ainda melhor, com 449.000 ou mais.

O terceiro álbum deles, Celestial, recebeu 101.000 remessas por idioma após o lançamento, mas não conseguiu um apelo duradouro, enquanto as sequências sofreram uma tendência de queda rápida.

Captura de tela ChartMasters

Ser O Parecer ao vivo, novo projeto do RBD, tem primeiro single

Na sequência do enorme sucesso do show virtual “Ser O Parecer”, o RBD anuncia o relançamento de alguns de seus maiores sucessos em versões gravadas ao vivo durante o evento global, transmitido no último dia 26 de dezembro. “Siempre He Estado Aquí”, primeiro single do projeto, já está disponível em todas as plataformas de streaming.

+ Leia Mais: Voy a Quedarme foi feita sob medida para Blas Cantó no Eurovision

Siempre He Estado Aqui” foi lançada pelo grupo em novembro de 2020 como parte do aguardado e histórico comeback do grupo após o hiato de mais de uma década. Mais do que uma canção emocionante, a faixa é o hino que representa o movimento RBD, que culminou com o concerto virtual ao vivo, no dia 26 de dezembro, quando artistas e fãs se encontraram para concretizar a maior união virtual da história.

O mundo celebrou o ‘Dia Mundial do RBD’ em grande estilo. Os fãs inundaram as redes sociais com centenas de mensagens, vídeos, fotos e exibindo seus ingressos para o show digital ao vivo. A hashtag #SeroParecer2020 se manteve no topo das listas de assuntos mais comentados em países como México, Brasil, Colômbia e Equador, entre outros.

Famosos como a cantora brasileira Anitta, celebridades como Danna Paola, Galilea Montijo e Daniel Habif, entre muitos outros, se juntaram à celebração e parabenizaram o RBD, movimento que mudou para sempre a história da música e continua escrevendo sua história. Neste novo capítulo – e após 12 anos – Anahí, Maite Perroni, Christian Chávez e Christopher Von Uckermann se reuniram no evento virtual ao vivo “Ser O Parecer”.

Depois de uma longa espera, o catálogo de músicas do RBD chegou às plataformas digitais no último dia 3 de setembro, causando uma revolução global, alcançando marcos históricos para a música em espanhol ao dominar as listas mais importantes do mundo. #RBDSálvamedel2020 chegou a primeira posição na lista dos Trending Topic globais, que elenca os assuntos mais comentados do Twitter minutos após o lançamento.

Comentários do Facebook
spot_img
Comentários do Facebook
X