Show curto, mas empolgante: assim foi Bomba Estéreo com Karol Conka no RiR

A perfeita mistura de ritmos caribenhos ao funk brasileiro. Um show de empoderamento feminino e um chega pra lá no preconceito. Quem viu a parceria do Bomba Estéreo com Karol Conka, seja no Parque Olímpico em que aconteceu o Rock in Rio, ou pela TV ficou com gostinho de quero mais.

A parceria, inclusive, poderia ser gravada e eternizada, para alegria dos fãs de música latina no Brasil. Em um Palco Sunset lotado, o grupo liderado pela colombiana Li Saumet passeou pelo repertório de seu último disco, Ayo, e ainda relembrou o hit Soy Yo, uma canção de autoaceitação que esteve no álbum anterior da banda, Amanecer.

Já a brasileira foi de É o Poder e Lalá, levando o público do Rock in Rio ao delírio. As imagens do show ainda não estão nas plataformas digitais por questões de direitos autorais, mas o Bomba Estéreo deixou uma palhinha da apresentação em seu Instagram.

+ Leia Mais: Rock in Rio erra ao ignorar explosão latina

Ayo, novo disco do Bomba Estéreo, foi lançado em agosto

Ayo é o quinto trabalho de estúdio do grupo, sucedendo o sucesso de Amanecer, que teve como singles mais populares Fiesta (feat Will Smith) e Soy Yo.

“O disco nasceu na Serra Nevada de Santa Marta, um dos lugares mais poderosos do mundo. O título do álbum é uma homenagem a esse lugar mágico. Uma cerimônia espiritual abriu o caminho para ele, que volta a nos conectar com as raízes caribenhas de Bomba Estéreo e, ao mesmo tempo, segue olhando para o mundo com os olhos e ouvidos abertos”, disse Simón Mejía.

A produção já tinha revelado duas faixas poderosas: Internacionales e Dueles, que tem um clima bem particular. Culpa da Flauta de Millo, típica da região caribenha da Colômbia.

“A ‘flauta de millo’ é um dos instrumentos mais inspiradores da nossa carreira”, explicou Simón Mejía, fundador do Bomba Estéreo. “Nós á a utilizamos no nosso primeiro disco, ‘Estalla’. Ela tem um som lindo e particular, com raízes nas tradições da cumbia. Lembro de ter tocado uma vez para o produtor Brian Eno quando eu o conheci. E ele me disse, ‘Meu Deos! Nunca tinha ouvido nada parecido na minha vida!”

Ouça Ayo, novo álbum do Bomba Estéreo

Comentários do Facebook

Comentários do Facebook
X