Connect with us

Notícias

Quem é Leslie Shaw, a peruana que cantou com Luis Fonsi na abertura do Pan de Lima

Published

on

Reprodução do Instagram / Leslie Shaw

Saiu Demi Lovato, entrou Leslie Shaw. Quem acompanhou o show de Luis Fonsi na abertura dos Jogos Pan-Americanos de Lima, realizado na última sexta-feira, ficou com o ponto de interrogação: quem é a peruana que dividiu com ele o hit Échame La Culpa, despertando haters e ganhando uma infinidade de novos fãs pelo mundo.

A artista tem 30 anos e nasceu na capital peruana em 27 de fevereiro de 1989. Sua trajetória na música começou aos 16 anos, quando participou do reality show Superstar, terminando na segunda colocação. Em 2008, ela foi integrada à banda Glow, com a qual gravou um disco.

Dois anos depois, Shaw investiu na carreira como solista. E roqueira, antes de enveredar pelo ritmo urbano. A loira também atua, dança e trabalha como modelo em seu país.

Antes do momento mais importante de sua carreira, a cantora acumulou colaborações importantes na música: Lérica, Gente de Zona, Abraham Mateo e Mau y Ricky são alguns dos colegas com quem ela já dividiu os microfones. Faldita, com a dupla venezuelana, é o maior sucesso de sua trajetória musical até hoje, com 46 milhões de views no YouTube e dez milhões de plays no Spotify.

O momento de ouro dos 14 anos de estrada começou a ser desenhado há cerca de um mês, pelas mãos do cantor e produtor peruano Gian Marco, amigo de Fonsi.

 

“Ele me disse que estava conversando com Luis Fonsi, que era um grande amigo seu, e comentou que gostaria de me convidar para cantar na abertura dos Pan-Americanos”, contou ela a Johny Padilla, no programa En Escena.

Foi o padrinho, inclusive, o primeiro a ir a público para defendê-la das críticas sobre supostamente ter utilizado playback na apresentação:

Sobre a reação de Fonsi, a artista contou que ele pediu segredo sobre a participação especial e que estava muito feliz com o momento vivido. “Ele estava encantado, me senti muito cômoda e feliz […] é preciso receber conselhos e aproveitar as oportunidades”.

 

X