Plácido Domingo é diagnosticado com covid-19, a doença provocada pelo coronavírus

O tenor espanhol Plácido Domingo é mais uma personalidade a contrair o novo coronavírus (Sars-CoV-2), cuja pandemia já contaminou mais de 300 mil pessoas e deixou cerca de 14 mil mortos em todo o mundo.

“Sinto que é um dever moral anunciar que testei positivo para a Covid-19 [doença provocada pelo novo coronavírus]. Eu e minha família ficaremos em autoisolamento pelo tempo que for necessário”, disse Domingo em seu perfil no Facebook.

“Todos estamos em boa saúde, mas eu tive sintomas de febre e tosse, então decidi fazer o teste, e saiu positivo”, acrescentou o tenor, que tem 79 anos de idade. Domingo ainda recomendou que as pessoas lavem as mãos, mantenham distanciamento umas das outras e “fiquem em casa”.

Siento que es mi obligación moral anunciar que he dado positivo al COVID19, conocido también como el Corona Virus. Mi…

Posted by Placido Domingo on Sunday, March 22, 2020

O anúncio fez o tenor voltar aos holofotes após a denúncia de abuso contra mulheres da indústria fonográfica, que fez com que ele se retirasse de cena indefinidamente.

Agosto de 2019

Plácido Domingo está sendo acusado de assédio sexual por nove mulheres, oito cantoras e uma dançarina. A informação é da agência internacional Associated Press.

As práticas libidinosas do tenor espanhol teriam começado ainda na década de 1980, em ambientes profissionais e onde o artista ocupava posições de destaque.

Além das acusadoras formais, outras seis mulheres alegam que Domingo as fazia se sentir desconfortáveis com propostas sexuais, informa a agência.

A meio-soprano Patricia Wulf foi a única a consentir que seu nome fosse divulgado na matéria. As demais pediram anonimato por medo de represálias no mercado.

Plácido Domingo foi procurado pela AP, mas não respondeu diretamente as questões enviadas. Em comunicado, ele afirmou que “As alegações dessas pessoas anônimas datadas de mais de 30 anos atrás são profundamente perturbadoras, e como apresentadas, imprecisas”.

“É DOLOROSO SABER QUE EU TENHA DESAPONTADO ALGUÉM OU FEITO ALGUÉM SE SENTIR DESCONFORTÁVEL, NÃO IMPORTA HÁ QUANDO TEMPO ATRÁS E APESAR DAS MINHAS MELHORES INTENÇÕES. EU ACREDITAVA QUE TODOS OS MEUS RELACIONAMENTOS E INTERAÇÕES TIVESSEM SIDO BEM-VINDOS E CONSENSUAIS”.

“PESSOAS QUE ME CONHECEM E QUE JÁ TRABALHARAM COMIGO SABEM QUE EU NÃO SOU ALGUÉM QUE TENHA INTENÇÃO DE PREJUDICAR, OFENDER OU ENVERGONHAR ALGUÉM”, DISSE O TENOR.

O tenor tem 78 anos e é casado desde 1962 com a soprano Marta Ornelas. Ele é ganhador de nove Grammys Awards e cinco Grammys Latinos. Sua última postagem nas redes sociais aconteceu há dois dias, antes da reportagem da AP ser publicada.

X