Paty Cantu estreia La Mexicana. Veja o vídeo!

Paty Cantú lançou La Mexicana, single que dá título ao seu novo projeto discográfico. A música tem a participação de Hispana e aborda com orgulho suas raízes para transformá-las em algo mais do que uma canção: se trata de uma manifestação de identidade, força e união.

Destaque: 10 fatos que marcaram a música latina no primeiro semestre de 2020

“O mundo gira e nós mudamos com ele. Entretanto, nossas raízes vão conosco em cada passo que damos: tanto na incerteza quanto no topo das nossas conquistas. São parte da gente e estão aí sem importar em qual situação”, disse a artista.

+ Leia Mais: Danna Paola e J Balvin – Quem subiu e quem desceu em 2020

Essa nova canção se apresenta como uma mistura de sons tradicionais com elementos de pop urbano. O início é marcado pela cadência de um beat eletrônico, cumbia e trap com melodia ranchera, criando praticamente um gênero próprio.

Leia Mais: Anitta canta em italiano em Paloma, a parceria com Fred de Palma

Do projeto, Paty Cantú já mostrou Cuando VuelvasLlévame Contigo e No Hacemos Nada.

Estrela falou sobre o disco ao LatinPop Brasil

Posso dizer sem medo de errar: são 18 anos de carreira e a melhor entrevista da minha vida aconteceu nesta terça-feira, 16 de junho. Diretamente da Cidade do México, onde passa o período de isolamento, Paty Cantú falou sobre No Hacemos Nada, seu último lançamento, e deu um show de simpatia, sinceridade e arte.

No bate-papo que vocês poderão conferir abaixo, a artista falou sobre a estreia do álbum La Mexicana, em 3 de julho, o projeto Irrepetible e sua evolução na música.

+ Leia Mais: Fred de Palma anuncia parceria com Anitta em Paloma

Honesta, direta e muito amável, a estrela contou sobre como a luta contra o hipotireoidismo afetou sua juventude e como a perda de um sobrinho a fez rever o sentido da vida.

Além disso, Paty abre o coração sobre política, racismo, feminismo e o futuro da música após a pandemia de coronavírus.

Veja a entrevista de Paty Cantú ao LatinPop Brasil

X