Mercado musical italiano em 2015 é dominado por locais

A música no mundo todo está prestes a sofrer um terremoto. A partir dessa semana, os lançamentos acontecerão às sextas-feiras, em uma tentativa de unificar números e padronizar um mercado que tem crescido, em média, 23%, com domínio do streaming, que cresce no ritmo impressionante de 37%. É por isso que todos os próximos lançamentos na Itália parecem “amontoados” amanhã (10). Estão previstos para essa semana, entre outros, o álbum de Madh (Madhitation), os EPs dos finalistas do The Voice (Carola Campagna, Thomas Cheval e Roberta Carrese) e o novo single de Francesca Michielin (Battito Di Ciglia).

Durante o evento que anunciou a New Music Fridays, nome dado mudança nos lançamentos, a FIMI (Federazione Industria Musicale Italiana) aproveitou para mostrar um balanço do mercado discográfico no país no primeiro semestre de 2015, anunciando os 10 discos mais vendidos no ano. Um detalhe importante: todos são italianos.

Quem lidera a lista é Jovanotti, com Lorenzo 2015 CC. Lançado em 24 de fevereiro, o álbum já está certificado com três platinas, representando suas mais de 150 mil cópias adquiridas. Ele atualmente está percorrendo diversas cidades com grandiosa turnê ao mesmo tempo que divulga o single L’Estate Adosso.

O segundo mais vendido de 2015 é Parole In Circolo, lançado em janeiro. Obra prima de Marco Mengoni, o álbum faz parte de um projeto de um projeto em duas partes. A segunda já está em fase de gravação e deverá ser lançada no final do ano.

O pódio é completado por uma das grandes revelações do ano: The KolorsOut, disco de estreia da banda liberada por Stash, liderou a classificação de mais vendidos por 5 semanas consecutivas, conquistando a certificação de dupla platina em menos de um mês e meio.

Entre os mais vendidos de 2015 ainda estão, em ordem: Sanremo Grande Amore (Il Volo), TZN – The Best Of Tiziano Ferro (Tiziano Ferro), Il Bello D’Esser Brutti (J-Ax), Giro Del Mondo (Ligabue), Hitalia (Gianna Nannini), Never Again (Briga), Domani È Un Altro Film – Seconda Parte (Dear Jack) e Sono Innocente (Vasco Rossi). De todos estes, 3 são lançamentos de 2014: Tiziano Ferro, Gianna Nannini e Vasco Rossi

Na elaboração da lista, a da FIMI considerou como primeiro semestre todos os álbuns vendidos entre 29 de dezembro de 2014 e 28 de junho de 2015.

Para comemorar os mais vendidos de 2015, o LatinPop Brasil preparou uma playlist especial. Confira!

* O Dear Jack não está na playlist porque seus álbuns não são disponibilizados no Spotify