Ao lado de Ludmilla, Dua Lipa e Pocah, Jesse y Joy são atrações do Warner Pride 2020

Amor, arte e resistência. Realizado anualmente pela Warner Music Group em todo o mundo, o Warner Pride visa chamar a atenção para o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+, celebrado no último 28 de junho. A edição brasileira deste ano acontece totalmente em formato digital, no próximo sábado, 04 de julho. Transmitido pelo canal da Warner Music Brasil no YouTube, a partir das 18h, o evento reúne artistas LGBTQIA+ e aliadxs da causa. A live terá apoio da Ame Digital, e toda a renda obtida por meio de doações do público será revertida para três instituições que atuam junto a grupos LGBTQIA+: Casa Nem, Casinha e Casa Chama.

Destaque: 10 fatos que marcaram a música latina no primeiro semestre de 2020


 
lineup musical terá apresentações de Elana DaraLudmillaNick CruzPocah, da americana Ava Max e da dupla mexicana Jesse & Joy.

Além das apresentações, Dua LipaAva Max e muitos outros aliadxs e representantes da causa LGBTQIA+ deixarão um recado especial para o público brasileiro. Com apresentação do ator Silvero Pereira e roteiro de Alberto Pereira Jr., a transmissão exibe também paineis com o tema “Transformação e (novos) Desafios para a comunidade LGBTQIA+”.

+ Leia Mais: Danna Paola e J Balvin – Quem subiu e quem desceu em 2020

Mediados por Silvetty Montilla e Bielo Pereira, os paineis contam com a participação de Aretha Sadick, Paulo Vaz, Carol Caixeta, Lucas Raniel, Cris Naumovs, Spartakus Santiago, Neon Cunha e Luca Scarpelli. O público, de casa, poderá interagir por meio da hashtag #LiveWarnerPride.

Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+:
 
Celebrado mundialmente, o Dia do Orgulho LGBTQIA+ relembra um episódio ocorrido em Nova York, em 1969, quando frequentadores do bar Stonewall Inn reagiram à repressão policial que ocorria regularmente no local. O levante resultou na 1ª Parada do Orgulho LGBTQIA+ no ano seguinte.

+ Leia Mais: Cenas quentes de Maite Perroni em série da Netflix surpreendem os fãs


 
No Brasil, segundo dados da ONG Grupo Gay da Bahia, 329 crimes violentos contra  LGBTQIA+ ocorreram em 2019. Esses dados revelam que, a cada 26 horas, um LGBTQIA+ é assassinadx ou se suicida no país, o que torna o Brasil campeão mundial de crime contra minorias sexuais.  

Lineup shows:
(em ordem de apresentação)
 
Nick Cruz
Elana Dara
Jesse & Joy
Ava Max
Pocah
Ludmilla
 
Painel 1
Mediado por Silvetty Montilla (@silvettymontilla): Ator transformista
 
Convidadxs:
Aretha Sadick (@arethasadick): Atriz, modelo e cantora.
Paulo Vaz (@popo_vaz): Policial e digital speaker.
Carol Caixeta (@carolcaixeta): Publicitária e sapatão.
Lucas Raniel (@lucasraniel_): Comunicador e ativista pela educação sexual.
 
Painel 2
Mediado por Bielo Pereira (@HelloBielo): Apresentadora, empresária e influenciadora de positividade.
 
Convidadxs:
Cris Naumovs (@crisnaumovs): Consultora de criatividade e conteúdo
Spartakus Santiago (@spartakus): YouTuber, Apresentador do Canal Futura, colunista do GNT e Mídia Ninja.
Neon Cunha (@neoncunha): Ativista independente articulando junto à Marcha das Mulheres Negras de São Paulo.
Luca Scarpelli (@transdiario): Publicitário e criador do canal Transdiário.
 
Apresentador: Silvero Pereira (@silveropereira) – Ator e cantor
Roteiro: Alberto Pereira Jr. (@albertopereirajr) – Artista social, jornalista e ativista negro, LGBTQIA+ e positivo.

X