Connect with us

Notícias

Inesperado, de Anahi, é o disco mais vendido do Brasil

Published

on

Anahi é a artista que mais vende no Brasil

Quando foi lançado em sua versão digital, no começo de junho, Inesperado disparou rapidamente para o número 1 da versão nacional do iTunes. Quem achou que isso enfraqueceria as vendas da cópia física não poderia estar mais enganado. É de Anahi o disco mais vendido no Brasil.

É de Anahi o disco mais vendido do Brasil

As informações são dá ABPD – Associação Brasileira Dos Produtores De Discos, responsável, ao lado da Nielsen, por mensurar as vendas de CDs e DVDs no país. É a Associação também que entrega as certificações de ouro, platina e afins.

Ouça Inesperado, novo disco de Anahi e o mais vendido do Brasil

Foi de 21 dias o tempo que os fãs brasileiros de Anahi tiveram que esperar para a chegada da versão física ao país.

O atraso de três semanas, adiantado pelo LatinPop Brasil no dia 16 de maio, foi confirmado pela cantora algumas horas depois. A demora fez alguns fãs sonharem com uma possível edição exclusiva, similar ao que será feito com Energía, o novo CD de J Balvin, mas isso acabou não acontecendo.

Mas o que Inesperado tem é a reunião de um timaço de artistas que colaboraram com o retorno de Anahi à música. Noel Schajris e Gloria Trevi aparecem entre os autores, enquanto Wisin, David Bustamante, Gente de ZonaJulión Alvarez e até a funkeira brasileira Zuzuka Poderosa fazem participações especiais nos vocais.

Inesperado, editado pela Universal Music, é o segundo CD de Anahi pós RBD. O anterior, Mi Delirio, foi lançado em novembro de 2009 e vendeu mais de 20 mil cópias no Brasil, recebendo Disco de Ouro por aqui.

Pela música, Anahi diz não às novelas

Pelo menos temporariamente, Anahi não se vê gravando uma telenovela. A revelação foi feita pela intérprete de Amnesia à revista Quien. A ex-RBD não colocou um ponto final na decisão, mas garantiu que se vê em um estúdio neste momento da carreira.

“Você não pode deixar seus sonhos de lado. A música é onde melhor me expresso porque sou eu, porque posso organizar meu tempo com a minha vida pessoal também e agora seria muito difícil para mim ficar 12 horas dentro de um estúdio para fazer uma telenovela, mas algum dia, quem sabe, eu volte a fazer algo que me deu tantas bênçãos”.

Anahi vai contra a corrente de seus ex-colegas de elenco: tanto Dulce Maria, quanto Maite Perroni conciliam a vida musical com as carreiras na dramaturgia. Christian Chávez está prestes a estrear uma nova produção na Televisa, Uckermann está envolvido em projetos cinematográficos, enquanto Poncho faz carreira em Hollywood com muito sucesso.

X