Carlos Vives e Shakira são processados por plágio em La Bicicleta

Tramita há quase um mês no Juizado Mercantil número 12 de Madri, na Espanha, um processo por plágio contra Carlos Vives, Shakira, Andres Eduardo Castro, Sony Music Publishing Latina e outras nova produtoras por La Bicicleta, um dos hits do ano passado.

A canção foi a grande ganhadora do Grammy Latino de 2016 e dos Premios Lo Nuestro, realizado na semana passada. A demanda tem a assinatura do compositor e produtor cubano Livam e sua editora Maryla Dianik Romeo (MDRB Music Publishing).

La Bicicleta 

Leia Mais: Shakira reafirma disco e turnê ainda em 2017

Eles alegam que La Bicicleta é plágio de Yo Te Quiero Tanto, datada de 1997. Como consequência imediata do processo, a Sociedade Geral de Autores e Editores (SGAE) tomou a medida cautelar de reter todas os valores correspondentes aos diretos autorais do tema até que o caso seja resolvido.

Ouça Te Quiero Tanto

https://www.youtube.com/watch?v=V9I4EUb_QlA

Segundo Livam e a MDRB, uma frase e parte do coro foram copiados. O perito do caso reconheceu que ambas as canções compartilham “o mesmo ritmo e a mesma linha melódica”.

O processo, iniciado em 3 de fevereiro, chega depois de um ato de conciliação realizado no dia 21 de novembro do ano passado em que não houve acordo. A partir de agora, Carlos Vives, Shakira e demais processados têm 20 dias para apresentarem sua defesa.

X