Connect with us

2016

[Prêmios LatinPop 2016] Disco do Ano – Itália: Alessandra Amoroso

Published

on

Vivere A Colori, da Alessandra Amoroso, é o melhor disco do ano na Itália

Prêmios LatinPop 2016 – Melhor Disco do Ano – Itália

Vivere A Colori – Alessandra Amoroso

Por quê?

Alessandra Amoroso vinha de uma fase plena. Um disco (Amore Puro) produzido por ninguém menos que Tiziano Ferro. A largada para a carreira internacional com uma coletânea de seus maiores hits em espanhol, incluindo parcerias com Mario Domm e Diego Torres.

Tudo ia muito bem obrigada, até que um problema de saúde paralisou por completo a carreira da italiana. E um problema na garganta. Difícil ficar pior para uma cantora. Na Itália, circularam rumores que a cirurgia a que ela foi submetida poderia encerrar sua carreira. Ah, como esses rumores estavam errados… Para a nossa sorte.

Logo no começo de janeiro, nós fomos presenteados (sim, a palavra é essa) com Vivere A Colori. O disco já começa brilhando com a potência da balada Stupendo Fino A Qui, primeiro single dessa nova fase. E que contou com a participação dos fãs no videoclipe oficial. E que teria sido vencedora certa do Festival de Sanremo. Mas essa discussão fica para depois.

Vivere A Colori é um desfile de grandes baladas: L’Unica Cosa da FareFidate Ancora Di Me, o single Sul Ciglio Senza Far Rumore, a potente Avrò Cura di Tutto La Vita In Un Anno, que reviveu a parceria Amoroso-Tiziano Ferro (e merecia ter sido single).

Mas se as baladas são a zona de conforto de Alessandra Amoroso, é na surpresa em que ela brilha. A colaboração com Elisa é fundamental para Vivere A Colori ser o Melhor Disco do Ano na Itália. Porque Comunque AndareVivere A Colori, a canção, são suas obras-primas. Simples assim. Elas misturam a genialidade das composições (letra e música) de Elisa com a potência vocal de Alessandra. Que essa parceria se prolongue por muitos e muitos outros discos.

Porque Vivere A Colori termina Il Mio Stato di Felicità. E o título da canção já explica tudo.

Ouça o vencedor de Melhor Disco do Ano – Itália

Vivere A Colori – Alessandra Amoroso

Em 2015: Se em 2016 a gente premia a consolidação da carreira magnífica da Alessandra Amoroso, em 2015 os fomos pelo caminho aposto. A primeira edição dos Prêmios LatinPop escolheu como Melhor Disco da Itália o irreparável 1995, disco de estreia de Lorenzo Fragola. Relembre.

Os Prêmios LatinPop 2016

A equipe do LatinPop Brasil votou em 25 categorias para premiar o melhor dos melhores da música latina em 2016. Além dos votos do nosso colegiado, os latinpopeiros têm seu espaço no Prêmio da Audiência. Diariamente, durante todo o mês de dezembro, você irá descobrindo os vencedores. Não tire os olhos do site e não se esqueça de comentar em todas as categorias! Sua opinião é muito importante para nós!

Conheça todos os ganhadores em Prêmios LatinPop 2016.

X