Connect with us

¿Si, que pasa?

Quem é latino? Parte 3 – O Brasil na América Latina

Published

on

Anitta é a convidada de Ozuna em Muito Calor

Oyeeee, que pasa chavales?

Chegamos na semana do Grammy Latino e na ultima parte da coluna “Quem é Latino?”.


Há alguns anos as categorias de língua portuguesa deixaram a premiação principal para serem entregues no pré-grammy, uma premiação que acontece horas antes da festa principal. Junto com as categorias de língua portuguesa são entregues outras categorias. No premio principal são entregues os principais prêmios: Gravação do Ano, Album do Ano, Revelação e outros.

O Grammy Latino foi se adaptando as mudanças e necessidades do mercado. Antes o Brasil tinha um espaço na premiação principal, porém como somos parte do mercado, mas não temos influencia, nossa presença nem faz muita falta!

Nós brasileiros, somos latinos!Mas talvez, somos os latinos mais marginalizados do rolé todo da música! Isso tudo, porque falamos português! #MalditoTratadoDeTordesilhas

Como discutido na coluna anterior, os artistas espanhóis e até italianos, que cantam em espanhol, estão melhores inseridos no mercado latino que nós. Isso mostra como a indústria da musica latina funciona: o idioma espanhol é o que personifica essa indústria! O fator de ser latino ou não, não influencia!

Temos muitos artistas brasileiros respeitados, que são ouvidos fora daqui, que fazem turnês e afins, mas em grande parte artistas da MPB, samba e bossa nova, que é o que caracteriza a imagem da musica brasileira no mundo!
E isso diz muito sobre o caminho que a Anitta escolheu percorrer. Ela viu que cantando em português, o caminho para a abertura do mercado seria difícil ou quase impossível. Tendo a sorte ou sendo muito estratégica, como ela é, entrou no mercado no melhor momento da indústria latina em anos! O grande boom do reggaeton, da musica urbana!

E o boom mundial do reggaeton diz muito sobre o nosso mercado. Se os vizinhos não nos consome, aqui não é diferente. A musica latina teve dois grandes momentos no Brasil, no fim dos anos 90 e agora, mas hoje diferente de anos atrás, é muito influenciado pela aceitação mundial, diga-se americana!

Os brasileiros consomem em sua maioria musica brasileira e de resto americana, inglesa e que estão dentro da indústria anglo. Existe uma distancia enorme com a musica em espanhol e na minha opinião, um pouco de arrogância em sempre diminuir a musica que vem dos nossos vizinhos e, vou lhes dizer, caros latinpopeiros!Essa é uma arrogância que eu vejo em muitas coisas quando o assunto é Brasileiros x latinos hispânicos. Tenho a sensação que os brasileiros, em boa parte, nem se considera latino! (mas se for viajar ao EUA, tem que se declarar latino, viu?)
A diminuição da musica latina segue a linha do senso comum que toda novela mexicana é dramática, logo, a musica latina é BASURA!

Espero que um dia essa relação mude e melhore. A musica latina hispânica é de uma pluralidade tremenda e merece atenção! Assim, como a nossa musica vai muito além daquilo do que é exportado e merece esta mesma atenção!
Que um dia essa estranheza entre nós termine e desfrutemos do melhor da latinoamerica!

Latinos manos en el aire!

X