Connect with us

Habla, Pri

The Voice Itália 3, você não pode perder. Mesmo!

Published

on

TVOI - The Voice Itália logo

Se você acompanhou as duas primeiras edições do The Voice Itália, sabe que a versão da bota do talent show da Endemol tem os jurados mais carismáticos do mundo. Teve Suor Cristina, e isso bastaria para despertar sua atenção para a temporada vindoura.

Ok, teve o Riccardo Cocciante de coach no primeiro ano e ele ainda levou o prêmio com a agora eurovisiva albanesa Elhaida Dani, mas os outros sempre compensaram.
Ok, estamos todos orfãos da Raffaela Carrà, que estreou seu Forte, Forte, Forte em janeiro, abandonando a poltrona rossa.

Carrà nunca teve os melhores candidatos e as apresentações do seu #TeamCarrà sempre ficavam entre o brega e o esdrúxulo. Muitas cores, bailarinos, roupas extravagantes. E, invariavelmente, ela fazia a escolha errada. Quem se importa? Fazendo uma analogia simples, é como se tivéssemos a saudosa Hebe gritando I Want You toda semana na telinha. Isso elevado a alguma potência, já que a Carrà é um mito para italianos, espanhóis e argentinos.

(Sim, estou tentando superar a ausência da rainha de Far L’Amore em 2015).

A questão é que a direção do The Voice Itália é genial. Eles sacaram que o grande apelo do programa são os técnicos igualzinho aqui no Brasil cof cof cof. E já que não teremos Carrà, bora apelar para a polêmica entre eles. Quando o Cocciante saiu, em 2013, trouxeram J-Ax para a vaga. O rapper de língua afiada e aparência duvidosa (eu acho que tem muito sex appeal, mas nem todo mundo concorda comigo), mostrou-se sentimental na Blind Audition da Suor Cristina, levou a freira para o time dele e a defendeu com unhas e dentes das inúmeras críticas recebidas ao longo dos três meses de atração.  Deu um show à parte em todas as etapas e, obviamente, foi o vencedor de 2014.

Deu um up na carreira, lançou disco novo e voltou ao auge que experimentou na década de 1990, quando fazia parte do Articolo 31.

Acontece que pouco antes de ser convidado para o The Voice, J-Ax lançou um selo próprio com o amigo Fedez, a Newtopia. Eis que Fedez também é sucesso absoluto na Itália, faturou o X-Factor 2014 como técnico, e vem rompendo todos os recordes com seu disco Pop-Hoolista. Eis que Pop-Hoolista tem uma faixa intitulada Generazione Boh com a seguinte frase:

“Il mio paese chiama Facchinetti ”Figlio d’arte””

 

Francesco Facchinetti é DJ, rapper e apresentador e lindo.

Francesco Facchinetti é o novo coach do The Voice Of Italy

Francesco Facchinetti

É filho de Roby Facchinetti, nos pianos e vocais a banda Pooh desde 1966. É claro que, como insinua a música do Fedez, Facchinetti filho teve um empurrãozinho de Facchinetti pai pra deslanchar na carreira. Aí os Facchinettis se sentiram ofendidos. J-Ax veio a público defender o amigo cheio das metáforas ácidas e sempre inteligentíssimas.  Resumindo o bafão: Facchinetti disse que Fedez era produto construído pela mídia e pediu pra que seu nome não fosse mais citado pelo rapper. J-Ax entrou em cena e twittou:

“Facchinetti que chama Fedez de “construído”? Não entende que a “construção” genética de uma carreira às vezes não começa pelo sobrenome”

Tudo isso em meados do ano passado.

E aí, meus amigos, pra colocar a cereja no bolo, a RAI Due anunciou em dezembro que a poltrona deixada por Carrà teria dois ocupantes. Sim, uma pessoa só não é capaz de suprir o vazio deixado pela diva italiana. Resolvam a equação mais fácil do mundo e descubram os novos coachs do The Voice Itália!

Tchaaaaaaaaaaaanaaaaaaaam. Roby e Francesco. Pai e Filho. Família Facchinetti x J-Ax. Façam suas apostas.

Perguntado sobre o que esperar desse encontro, J-Ax foi sucinto: “Espero me divertir muito”.

Nós também, zio.

Parentese importante: Na primeira experiência no novo cenário. Bob pai caiu do palco e foi parar no hospital. Bate forte o tambor, eu quero é tic tic tic tac.

Não bastasse tudo isso, ainda teremos as imperdíveis caretas da Noemi e Piero Pelú sendo Piero Pelú. Irreverente do vestuário às palavras e coach dos melhores candidatos nas duas temporadas anteriores. Por razões distintas, mas os melhores. Tirem suas próprias conclusões.

 

Cavicchini ficou em segundo lugar no The Voice Italia em 2013

Cavicchini – #TeamPelu -chegou à final do TVOI 1

 

Você precisa de mais argumentos pra não perder nenhum segundo do The Voice Itália 3?

Sente na sua poltrona, entre no site da Rai.it , prepare a pipoca, escolha seus favoritos e venha com a gente, a partir de 25 de fevereiro, acompanhar o reality musical mais apimentado do momento!

X