Connect with us

Eurovision

Eurovision 2016 já tem dia e local para acontecer

Published

on

A Globe Arena de Estocolmo será a sede do Eurovision 2016

Ainda faltam 10 meses para a próxima edição do Eurovision Song Contest, mas SVT, responsável pela próxima edição do espetáculo, não está perdendo tempo na organização. A emissora pública sueca acaba de anunciar que o festival acontecerá na capital do país, Estocolmo. Mais precisamente na famosa Ericsson Arena, mais comumente conhecida como Globe Arena. O local já foi sede da edição de 2000 do Eurovision.

Localizada no distrito Johanneshov, a arena pode receber até 16 mil espectadores quando montada para shows, número similar ao que o Wiener Stadthalle, a locação do ESC 2015, abriga.

Na disputa para ser a sede da 61ª edição do festival, Estocolmo brigou com as cidades de Gotemburgo, Linköping, Malmö (sede do Eurovision 2013) e Örnsköldsvik, além da parceria das municipalidades de Sandviken e Gävle. Dentro da própria capital sueca houve competição entre cinco recintos: Annexet, Hovet, Friends Arena e Tele2 Arena, e, claro, a vencedora Globe Arena.

Além do local, as datas de realização do festival também foram anuncidas:

A final do Eurovision 2016 acontecerá no dia 14 de maio

As semifinais serão nos dias 10 e 12 do mesmo mês. Se não acontecerem mudanças no regulamento e na organização, os ensaios devem começar em 2 de maio, com Itália e Espanha, membros do chamado Big 5, subindo pela primeira no palco ao dia 8, domingo.

Itália e Espanha no Eurovision 2016

Nenhum dos dois países anunciou seus planos definitivos para a próxima edição do concurso musical.

A Espanha deverá apresentar novidades apenas em dezembro ou janeiro, como a RTVE comumente faz.

Já a Itália, acredita-se, deverá mais uma vez apostar no Festival de Sanremo para escolher seu representante, com o vencedor sendo convidado pela RAI a participar do Eurovision. Esse é o mesmo formato de 2015, que levou o Il Volo à Áustria. Os finalistas do Teatro Ariston serão anunciados apenas em dezembro, mas rumores dão conta de que Chiara e Francesca Michielin poderiam apresentar candidaturas.

X