Connect with us

Notícias

Santana retorna com disco inédito e formação histórica

Published

on

Santana está de volta! O guitarrista latino mais aclamado no mundo lançou o álbum Santana IV ao lado de Gregg Rolie (teclados e voz principal), Neal Schon (guitarra e vozes), Michael Carabello (percusssões) e Michael Shrieve (bateria).

Os músicos de reuniram pela primeira vez depois de 45 anos, quando lançaram Santana III em 1971.

Ouça Santana IV, o novo disco do Santana

O material inclui 16 novas canções, todas elas escritas e produzidas pela banda, com o mesmo estilo de fusão de diversas influências musicais vindas da África, América Latina e Caribe, além de blues e rock.

“Por qualquer circunstância, muitos dos músicos dessa época se reduzem às mesmas brasas ou cinzas, mas nós somos um tornado de fogo e ardemos diante do público”, afirmou Carlos Santana. destacando que o novo trabalho o fez recordar o início da carreira.

“Tive a sensação de que tinha de novo 17 anos e, na realidade, não quero deixar essa sensação para trás porque a idade é uma maneira de pensar. Não é algo ditado pelo calendário, nem por algo exterior, é possível se associar com essa inocência. Foi isso que senti ao escutar essas músicas”, afirmou o artista nascido em Jalisco, no México.

Além da banda, o disco tem as participações de Karl Perazzo (percussão) e Benny Rietveld (baixo), assim como o vocalista Ronald Isley em duas canções.

Sobre a influência da música mexicana em suas produções e identidade nacional, Santana destacou que agora sua linguagem é o ritmo e a melodia, e que trata de se identificar com pessoas de todo o mundo e esquecer suas nacionalidades.

“As pessoas no México são nobres e trabalhadoras. Essa é a essência positiva dos mexicanos. Aprendi essas lições com meu pai e minha mãe, que também diziam que eu era o que era por Deus e que tinha o que tinha pelo povo, e que devia estar sempre grato por isso”, completou.

X