Conecte com a gente

Notícias

Michele Bravi vai lançar Diamanti, seu novo single, nesta sexta-feira

Publicado

em

Preparando-se para o Festival de Sanremo, Michele Bravi lançou tema com a britânica Frances

O mercado italiano está fervendo depois do Ferragosto, o período de férias de verão no país. Nesta sexta-feira, 25 de setembro, será a vez de Michele Bravi estrear seu novo single nas rádios: Diamanti, o terceiro extraído do álbum Anime di Carta.

O novo single chega depois do sucesso de Il Diario Degli Errori, aposta de Bravi no último Festival de Sanremo e disco de platina na Itália. A balada chegou ao quarto lugar e por muito pouco não tirou Ermal Meta do pódio. Depois, ele ainda lançou a divertida Solo Per Un Po’ .

Diamanti foi escrita pela aclamada Federica Abate (Roma-Bangkok) e Andrea Amati.

Ouça Diamanti, o novo single de Michele Bravi

Letra de Diamanti – Michele Bravi

Ci si accorge sempre tardi 
Delle cose andate via. 
Delle favole da grandi 
Senti sempre nostalgia. 
Ma adesso lo so, adesso lo so 
Che a volte quello che senti 
Per qualcuno è chiaro solamente 
Quando poi lo perdi. 

Diamanti, distanti 
Negli occhi che ho davanti. 
Confusi, distratti 
Che quasi non riconosco più. 

Distanti, lontani 
Ci legano le mani 
Ma trattenerli a noi non si può. 

Ci si perde prima o poi 
Cercando quello che non c’è 
E anche questa volta 
Lasci indietro una parte di te. 
E adesso lo so, si adesso lo so 
Ora che è gia troppo tardi 

Diamanti, distanti 
Negli occhi che ho davanti. 
Confusi, distratti 
Che quasi non riconosco più. 

Distanti, lontani 
Ci legano le mani 
Ma trattenerli a noi non si può. 

Non ci è dato 
Mai di riprendere 
Le stagioni del passato 
Non puoi riaverle indietro 
Neanche se tu lo vuoi. 
Trattenerle a noi non si può. 

Diamanti, distanti 
Negli occhi che ho davanti. 
Confusi, distratti 
Che quasi non riconosco più. 

Distanti, lontani 
Ci legano le mani 
Ma trattenerli a noi non si può. 
Trattenerli a noi non si può.

Entrevistas

[Exclusivo] Lali Espósito: “Em Brava, eu quero falar da mulher que eu sou”

Publicado

em

Lali fala o novo disco, Brava, os fãs brasileiros e muito mais

Entrevistas por telefone geralmente são rápidas e objetivas. Sem o olho no olho, o bate-papo não anda como pessoalmente. Não com a Lali. A conversa (sim, porque é mais uma conversa do que uma entrevista em si) de quase meia hora é natural. É como em um bate-papo entre conhecidos em um café qualquer.

Lali fala de tudo, fala porque é inteligente e porque gosta“Eu não tenho problemas para falar“, ela mesma brinca.

Falar de música, dos projetos, dos fãs. E são os fãs e o seu novo projeto, Brava, alguns dos seus assuntos favoritos. A empolgação da estrela argentina com a nova fase é evidente: ela está tão ansiosa quanto seus lalitos pela saída do disco.

Eu escrevo as minhas próprias letras. E quando você escreve, você fica atento em ser honesto com aquilo que quer cantar. (…) O meu estilo, o pop, permite que você brinque com as possibilidades e os gêneros. Por sorte a música latina está muito forte e estamos aproveitando esse momento, estou me encontrando nestes sons novos. (…) ‘Brava’ é um passo novo para mim artisticamente, em relação ao meu som.

Até aí fácil falar. Só que a Lali é a Lali. Entre os “pronto” que gosta de soltar para os fãs, ela também se engaja em temas mais complicados. É o caso da descriminalização do aborto na Argentina, que ela defende abertamente. Também é o caso do feminismo, assunto que lhe causou alguma dor de cabeça depois de declarações confusas.

“É claro que eu não gosto (da maneira que algumas músicas latinas falam da mulher). Mas brigar com isso não adianta nada. Do meu lugar musical, eu busco justamente o contrário. Quero falar da mulher que eu sou, falar de mulheres que não se dedicam à música, mas que se sentem representadas quando uma mulher fala sobre ser mulher. É claro que me preocupa que o meu sobrinho de 5 anos ouça algumas letras, mas isso faz parte de uma indústria e a indústria sempre teve de tudo. As pessoas fazem as suas escolhas.”

A conversa (não foi mesmo “só” uma entrevista) continua com assuntos mais fáceis. E uma promessa especial para os fãs brasileiros.

“O Brasil é o primeiro país na lista para encontrarmos uma data. Vamos encontrar essa data com a turnê”.

Está gravado Lali. Também está gravado o convite para assistir ao seu show no Brasil na primeira fila. Pode ter certeza que estarei lá. Aliás, estaremos. Porque os seus fãs estão ansiosos por esse dia que não demora a chegar.

Ouça a entrevista completa do LatinPop Brasil com a Lali Espósito

Continuar Lendo

Notícias

Nicky Jam e Will Smith: Live It Up é o título da música oficial da Copa do Mundo

Publicado

em

Nicky Jam e Will Smith cantarão o hino oficial da Copa do Mundo

Nem Maluma, nem J Balvin. A música-tema da Copa do Mundo de 2018, na Rússia, terá sabor latino e ele será dado por Nicky Jam. A confirmação aconteceu na última terça-feira (22), a menos de um mês do início da competição, por meio de uma rádio colombiana.

Menos de 24 horas depois, a Fifa confirmou a informação em nota oficial e anunciou o título do hino do Mundial: Live It Up, que chegará às plataformas digitais na sexta-feira (25) e terá seu clipe lançado no dia 6 de junho.

Nicky Jam que está bombando com X (Equis) mundo afora terá a companhia de ninguém menos do que Will Smith nesta jornada. Ambos estarão ao lado do albanês Era Istrefi.

“Gravar a canção oficial da Copa do Mundo da Fifa é uma conquista para toda a vida. Poucos artistas têm o privilégio de poder dizer que fizeram parte disso. Estou muito orgulhoso e feliz, poderei dizer aos meus netos: eu fiz isso”, disse o artista urbano.

A produção do tema é de Diplo.

“A Fifa e a Sony Music têm desfrutado de uma cooperação bem sucedida no Programa Oficial de Música há anos. A sinergia entre futebol e música é impressionante, ambas agitando as emoções dos fãs em todo o mundo. Essa música – com uma linha de classe mundial digna do maior espetáculo da Terra – incorpora a emoção, a celebração e a união que pessoas de todo o mundo compartilharam durante a Copa do Mundo de 2018”, disse Phillipe Le Floc’h, diretor comercial da Fifa.

Historicamente, os latinos bombam durante o Mundial. Em 1998, para a edição da França, Ricky Martin lançou La Copa de la Vida. Em 2010, foi a vez de Shakira arrasar charts com Waka Waka. No último Mundial, realizado no Brasil, o tema oficial (We Are One) era cantado por Pitbull, Jennifer Lopez e Claudia Leitte.

Outras informações sobre o lançamento da música oficial da Copa do Mundo com Nicky Jam você confere no LatinPop Brasil durante a semana.

Continuar Lendo
Anunciantes

Playlists

Anunciantes
X