Principal / Notícias / Julión Alvarez tirou disco da Anahi do Spotify?
Eres é o novo single de Anahi
Reprodução do YouTube da Anahi

Julión Alvarez tirou disco da Anahi do Spotify?

Os fãs mais atentos da Anahi tomaram um susto no Spotify: o álbum Inesperado foi excluído como produto completo da plataforma, restando apenas as faixas que o compunham. Com uma exceção: Eres, o dueto com Julión Alvarez.

A música seria a explicação mais fácil para a retirada do disco do espaço. O norteño está envolvido em uma ampla denúncia de narcotráfico no México e teve todo o seu repertório apagado do Spotify, assim como do YouTube. Suas contas no Facebook e no Instagram também foram deletadas.

O futebolista mexicano Rafa Marquez, veterano da seleção de seu país, é outro nome conhecido a aparecer nas investigações do governo dos Estados Unidos sobre lavagem de dinheiro ligada ao tráfico.

Contudo, a explicação perde força ao procurar outros recentes duetos do cantor regional. Sin Fronteras, o disco de Dulce Maria que contém a canção Lágrimas, segue na íntegra na plataforma. Apenas a parceria com Julión Alvarez foi tirada do ar. O mesmo acontece com La Frontera, do CD Los Duo, do falecido Juan Gabriel, que tinha ainda a participação de J Balvin.

Procurada pela reportagem do LatinPop Brasil, a Universal Music ainda não respondeu ao contato sobre o que, de fato, teria acontecido com o último disco de Anahi. Ou seja, a versão que circula entre os fãs de que as acusações sobre Alvarez teriam sido culpadas pelo decisão do Spotify ainda não é oficial.

+ Leia Mais: Ex-RBD discute com seguidor após terremoto no México

Anahi despista sobre novo single

Os fãs da Anahi já nem perdem mais tempo quando o assunto é seu retorno à música. Sem esperanças, não foram poucos os seguidores da ex-RBD que fizeram pouco caso do alardeado novo single, Alada, que chegou a ser ventilado com data marcada para ser lançado: 5 de maio.  Já sabiam que a música não seria lançada…

Mas não é porque os fãs não são mais bobos que não sentem saudades, não é mesmo? Um dos fã-clubes da primeira-dama de Chiapas, United For Anahi, fez um apelo sobre a carreira musical da mexicana no Twitter. Ela respondeu, mas não foi da maneira que todos esperavam. Não houve nenhuma pista de um retorno à cena para breve.

“Quando nos sentíamos tristes, tua voz era um motor. Por isso, não a abandone. Sua música faz vibrar muitos corações. Sentimos sua falta”, dizia o texto postado pelo FC, respondido da seguinte maneira pela mamãe do pequeno Manuel. “Que bonitas palavras, chegaram ao meu coração”.

Foi em abril que Anahi disse à jornalista Mara Patricia Castañeda que estava preparando música nova. Em seguida, o título foi divulgado: Alada, composta por Noel Schajris, do Sin Bandera. Ele chegou a retuitar a notícia do lançamento da música em maio, mas apagou a mensagem ao descobrir que se tratava de uma imagem falsa.

As declarações de Anahi aumentam ainda mais os rumores de que vem por aí uma reedição de Inesperado. Uma imagem que começou a circular na internet mostra ainda que o lançamento aconteceria em agosto. Ou seja, esse “prazo” já expirou.

anahi_deluxe

Inesperado Deluxe Edition teria um remix de Rumba, o primeiro single deste projeto discográfico. Ao invés do Wisin, a nova versão traria a colaboração da banda Matute. Além disso, a reedição ainda poderia trazer cinco canções inéditas: Hasta Contigo (feat. Mon Laferte), AladaNo Dejes de Bailar e Me Quedo Sola.

No entanto, nem o single, nem o novo álbum foram confirmados pela gravadora de Anahi, a Universal Music.

 

 

Comentários

comentários

Ver também

Nuestro Amor, do RBD, voltou ao Vevo.

Uma história pessoal com RBD e as músicas que em suas vozes conquistaram o mundo!

Hola mis reinas! Se tem um grupo que eu a-d-o-r-o falar é sobre RBD. As …

X