Connect with us

Eurovision

Eurovision 2016: artistas anunciados em fevereiro (parte II)

Published

on

Eurovision 2016: confira logo e slogan do festival

O LatinPop Brasil, em parceria com o ESC12points, traz as principais novidades e músicas já selecionadas para o Eurovision no mês de fevereiro, num post com duas partes (devido a enorme quantidade de artistas selecionados através de finais nacionais). Estamos na segunda parte, com as seleções feitas no fim do mês de fevereiro. Vamos lá?

Bulgária: Poli Genova

poli genova

Há alguns meses atrás a televisão pública BNT anunciou, via Twitter, que a representante búlgara no Eurovision seria uma mulher. A mídia local havia apontado o seu nome, mas somente em 19 de fevereiro ele foi confirmado: Poli Genova está de volta ao Eurovision! A cantora já competiu no festival em 2011, com Na Inat (que não se classificou para a grande final). Ainda não há previsão de quando sua canção será revelada.

Croácia: Nina Krajlic

NinaKraljic

A Croácia, depois de três anos de hiato no festival, fará seu retorno com Nina Kraljić. A cantora foi a vencedora do The Voice local e apenas um single lançado, Zaljuljali Smo Svijet. A rede de TV já divulgou a data de lançamento da música de Nina, que será no dia 9 de março. A última participação da Croácia no Eurovision foi em 2013: Klapa S Mora, com Mizerja, que falhou em classificar-se para a grande final.

Alemanha: Jamie-Lee Kriewitz

jamie lee

No último dia 25 de fevereiro, Jamie-Lee Kriewitz, de apenas 17 anos, foi a vencedora do Unser Lied für Stockholm, a final nacional alemã, com Ghost. Ela consagrou-se vitoriosa com 44,5% dos votos do público. A campeã do The Voice of Germany do ano passado era considerada uma das favoritas a vitória, já que sua canção foi uma das canções mais vendidas no iTunes alemão quando lançada. Ela competiu com mais nove artistas e chegou a superfinal contra Alex Diehl e Avantasia, segundo e terceiro colocado, respectivamente. Jamie-Lee tem a missão de conseguir um resultado melhor para os alemães em Estocolmo, deixando para trás os null points de 2015.

Reino Unido: Joe & Jack

joe&jack

Em 26 de fevereiro, a BBC levou ao ar a final nacional Eurovision: You Decide, que teve shows de Mans Zelmerlow e Katrina & The Waves (último vencedor do Reino Unido no festival). Seis músicas entraram no certame e através de votação via telefone o público decidiu que a dupla Joe & Jack, com You’re Not Alone, será a esperança do Reino Unido em maio deste ano.

Eslovênia: ManuElla

ManuElla

No dia 27 de fevereiro, o EMA foi responsável por mais uma escolha da Eslovênia no Eurovision. Entre dez candidatos, o júri (formado por ex-participantes da Eslovênia no festival: Raay, do Maraaya, Darja Svajger e um dos membros do Sestre, Marlenna) teve a oportunidade de escolher dois superfinalistas. A segunda etapa de votação ficou com o público, que selecionou ManuElla com Blue and Red para Estocolmo.

Finlândia: Sandjha

Sandhja

A final do Uuden Musiikin Kilpailu, vulgo UMK, foi no último dia 27 de fevereiro – apresentado por Krista Siegfrieds (que representou a Finlândia no Eurovision 2013) e Roope Salminen. A final nacional teve nove competidores e uma votação emocionante até o fim. Mais votada pelo júri, Sandjha foi eleita com 160 pontos, seis pontos a ais que a mais votada pelo público, Saara Aalto. A cantora irá interpretar Sing It Away em maio.

Hungria: Freddie

freddie

Também tivemos no último dia 27 a grande decisão no A Dal 2016, final nacional da Hungria. Depois de três eliminatórias e uma semifinal, a final contou com oito competidores que batalharam pelas quatro vagas da superfinal, decidida pelo júri. Na final, o televoto selecionou Freddie, com Pioneer.

Moldávia: Lidia Isac

1Lidia_Isac

Outro país que selecionou seu artista no dia 27 foi a Moldávia, através do O Melodie Pentru Europa, organizado pela TRM. Quem ganhou o tíquete para Estocolmo foi Lidia Isac, com Falling Stars, que ganhou oito pontos do júri e doze pontos do televoto, sendo coroada a vencedora da final nacional moldávia.

Noruega: Agnete

agnete

No dia mais eurovisivo do ano até agora, o 27, também tivemos o tradicional Melodi Grand Prix, na Noruega. A 54ª edição do show foi sediada no Oslo Spektrum, na capital norueguesa. O público selecionou quatro de dez artistas para a “Gold Final”. Agnete foi coroada a grande vencedora do MGP 2016, com Icebreaker.

Letônia: Justs

justs

Em 28 de fevereiro tivemos a grande final do Supernova, final nacional da Letônia, que coroou o favorito Justs, com Heartbeat. A canção foi composta por Aminata Savadogo (que representou o país no Eurovision do ano passado com Love Injected). Justs venceu a final com mais de 1700 pontos de diferença para o segundo lugar, Catalepsia, depois de ter passado por uma eliminatória e uma semifinal.

França: Amir Haddad

Cantando o seu hit J’ai Cherché, Amir é o representante da também latina França! Seu nome foi anunciado pela France 2 em 29 de fevereiro. A música já é bastante conhecida nas rádios francesas e é uma das mais tocadas no país atualmente. O cantor franco-israelense de 31 anos chegou ao sucesso graças a sua participação no The Voice francês, onde ele chegou a final (mas não venceu). A versão Eurovision, editada para 3 minutos, será divulgada em 12 de março.

Confira a agenda atualizada de finais nacionais:

Março

Selecția Națională, na Romênia (04/03 – semifinal, 06/03 – final)
Eesti Laul, na Estônia (13/02, 20/02 – semifinais e 05/03 – final)
Melodifestivalen, na Suécia (05/03 – Segunda Chance e 12/03 – final)

O Eurovision Song Contest será sediado na Ericsson Globe Arena, nos dias 10, 12 e 14 de maio de 2016.

Eurovision

Ouça completas as músicas candidatas a representar a Espanha no Eurovision 2019

Published

on

Representante da Espanha no Eurovision 2019 sairá do OT 2018

Foi alguns dias antes do prometido incialmente, mas já estão disponíveis as versões completas das canções candidatas a representar a Espanha no Eurovision 2018 em Tel Aviv, Israel.

Apesar de serem 10 temas candidatos, dois deles se destacam como favoritos há semanas, desde que conhecíamos apenas os teasers: Muérdeme (Maria Villar) e La Venda (Miki). As duas são completamente diferentes de Tu Canción (Amaia e Alfred), que a Espanha levou ao Eurovision 2018.

Em todo caso esse mistério não dura muito tempo. Já no próximo domingo (20) saberemos quem vai ao Eurovision 2019 com a bandeira espanhola. A final nacional acontece às 22h05 (horário local), ou 19h05 (Horário Brasileiro de Verão). A RTVE ainda não confirmou a transmissão ao vivo em seu canal internacional.

Conheça as canções candidatas a representar a Espanha no Eurovision 2019

Clique aqui para ouvir.

Hoy Soñaré – Sabela
Hoy vuelvo a reír otra vez – Noelia
La clave – Natalia
La venda – Miki
Muérdeme – María
Nadie se salva – Natalia e Miki
No puedo más – Famous
Qué quieres que haga – Julia
Se te nota – Carlos Right
Todo bien – Marilia

O Eurovision 2019 acontece entre os dias 14 e 18 de maio em Tal-Aviv, Israel. Como parte do Big 5, a Espanha tem passe direto à grande final. Acompanhe a cobertura completa do Eurovision 2019 no LatinPop Brasil.

India Martínez, Morat e El Sueño de Morfeo entre os autores

Apesar de terem aberto uma convocatória para autores iniciantes, todas as 10 canções que podem ir ao Eurovision têm nomes de renome na música espanhola e internacional.

Qué Quieres Que Haga (Julia Medina), por exemplo, foi escrita por India Martínez com o produtor David Santisteban (Cepeda, Antonio José). Já Se Te Nota (Carlos Right), é de Juan Pablo Isaza e Juan Pablo Villamil, do Morat. Muérdeme (Maria Villar) tem entre os compositores Juan Luis Suárez e David Feito, do El Sueño de Morfeo, que representou a Espanha no Eurovision 2013.

Há ainda canções escritas por Nil Moliner, Merche, Álex Ubago e La Pegatina, entre outros.

O único tema que veio da seleção aberta é o de Sabela (Hoy Soñaré). Os compositores (Jesús Cañadilla e Alejandro de Pinedo) também trabalharam em Algo Pequeñito, do Daniel Diges, que representou a Espanha no Eurovision em 2010.

Continue Reading

Eurovision

Espanha escolherá representante no Eurovision 2019 no próximo dia 20

Published

on

Conheça as 10 canções candidatas a representar a Espanha no Eurovision 2019

Pode anotar na agenda e preparar a pipoca. No próximo dia 20 de janeiro a Espanha vai escolher o seu representante no Eurovision 2019. A final nacional acontece às 22h05 (horário local), ou 19h05 (Horário Brasileiro de Verão). A RTVE ainda não confirmou a transmissão ao vivo em seu canal internacional.

Desde ontem, os nove candidatos estão em Barcelona trabalhando e ensaiando com os professores da academia do Operación Triunfo e os autores das canções. Algumas delas, como é o caso de Muérdeme (María Villar) ou La Clave (Natalia) já tiveram mudanças na letra confirmadas pelos compositores.

As duas, aliás, estão entre as grandes favoritas para representar a Espanha no Eurovision. Miki e Noelia também aparecem bem posicionados nas apostas.

O Eurovision 2019 acontece entre os dias 14 e 18 de maio em Tal-Aviv, Israel. Como parte do Big 5, a Espanha tem passe direto à grande final. Acompanhe a cobertura completa do Eurovision 2019 no LatinPop Brasil.

India Martínez, Morat e El Sueño de Morfeo entre os autores

Apesar de terem aberto uma convocatória para autores iniciantes, todas as 10 canções que podem ir ao Eurovision têm nomes de renome na música espanhola e internacional.

Qué Quieres Que Haga (Julia Medina), por exemplo, foi escrita por India Martínez com o produtor David Santisteban (Cepeda, Antonio José). Já Se Te Nota (Carlos Right), é de Juan Pablo Isaza e Juan Pablo Villamil, do Morat. Muérdeme (Maria Villar) tem entre os compositores Juan Luis Suárez e David Feito, do El Sueño de Morfeo, que representou a Espanha no Eurovision 2013.

Há ainda canções escritas por Nil Moliner, Merche, Álex Ubago e La Pegatina, entre outros.

O único tema que veio da seleção aberta é o de Sabela (Hoy Soñaré). Os compositores (Jesús Cañadilla e Alejandro de Pinedo) também trabalharam em Algo Pequeñito, do Daniel Diges, que representou a Espanha no Eurovision em 2010.

Conheça as canções candidatas a representar a Espanha no Eurovision 2019

Clique no título para escutar um teaser de um minuto

Hoy Soñaré Sabela (Compositores: Jesús Cañadilla e Alejandro de Pinedo)
Hoy vuelvo a reír otra vez – Noelia (Compositores: Jacobo Calderón e Álex Ubago)
La clave – Natalia (Compositores: Merche, Ander Pérez, Nuria Azzouzi e Rosa Martínez)
La venda – Miki (Compositor: Adriá Salas, do La Pegatina)
Muérdeme María (Juan Luis Suárez e David Feito, do El Sueño de Morfeo, com Victoria Riba, Nuria Azzouzi e Rosa Martínez)
Nadie se salva – Natalia e Miki (Compositores: María Peláe, Nil Moliner e Javi Garabatto)
No puedo más – Famous (Compositores: Leroy Sánchez, Louis Biancaniello e Nolan Sipe)
Qué quieres que haga Julia (Compositores: David Santisteban e India Martínez)
Se te nota – Carlos Right (Compositores: Juan Pablo Isaza e Juan Pablo Villamil, do Morat)
Todo bien Marilia (Compositores: Sananda, Chris Wahle, Andreas Öhrn e Juan Carlos Fuguet López)

Continue Reading
Advertisement

Playlists

Advertisement
X