Connect with us

Listas

5 coisas que talvez você não sabia sobre Despacito

Published

on

Despacito é o hit de Luis Fonsi e Daddy Yankee.

A gente que é fã de música latina pode admitir: quando o Luis Fonsi anunciou que iria lançar um single com o Daddy Yankee, ainda em dezembro de 2016, ninguém entendeu nada. Será que essa mistura vai dar certo? Aí surgiu Despacito:

Pouco mais de um ano após o lançamento, a resposta está aí. Recorde histórico na Billboard empatado com Boyz II Men e Mariah Carey. Único videoclipe na história a ter mais de 5 bilhões de visualizações. E 4 também. O primeiro a chegar a 3 bi. Façanha atrás de façanha.

Pode até parecer impossível, mas tem algumas coisas que talvez você não saiba sobre Despacito, duvida? Então olha só.

+ Leia Mais: Tudo o que você deve saber sobre os shows no Brasil

+ Leia Mais: A entrevista completa de Luis Fonsi ao LatinPop Brasil

5 coisas que talvez você não sabia sobre Despacito

A musa do videoclipe já foi Miss Universo

Sabe aquele mulherão da p* que é a musa de Despacito? Então. O nome dela é Zuleyka Rivera e ela nasceu em Cayey, na Cordilheira Central de Porto Rico. Ah, sim, e em 2006 ela foi escolhida a mulher mais bonita do Universo, deixando pra trás a japonesa Kurara Chibana.

(E no ano seguinte todo mundo sabe o que aconteceu: a nossa Natália Guimarães merecia o título, mas para compensar a edição anterior, o Miss Universo acabou indo para a representante do Japão, Riyo Mori.)

Daddy Yankee não estava nos planos originais de Despacito

Isso a gente já até contou aqui no LatinPop Brasil. Antes de pegar o telefone e convidar Daddy Yankee, Luis Fonsi já havia escolhido Nicky Jam para gravar Despacito. Por azar (ou sorte), as agendas dois dois não permitiu que a parceria acontecesse.

“A ideia era lançar o tema com Fonsi depois de El Amante, mas ele não podia esperar, tinha que estrear o seu tema logo e era perfeitamente aceitável, então ele procurou o Yankee”, confessou Nicky Jam em uma entrevista, em maio.

… mas foi dele a ideia do trecho mais viciante da música

Essa é uma bomba que caiu recentemente. Com a palavra, Daddy Yankee:

“O Luis Fonsi já vinha trabalhando uns dois anos na música, procurando a fórmula, mas eu logo percebi que faltava um pouco de energia (…). Faltava  um bom refrão, que é o ‘pasito a pasito’. E no improviso saiu”.

Isso explica a ausência do ‘pasito a pasito’ na (criticada) versão em português da música.

A versão em português não foi escrita (só) por Érika Ender

Despacito tem três autores: Luis Fonsi, Daddy Yankee e a panamenha de origem brasileira Érika Ender. Quando os primeiros rumores de uma versão em português começaram a rolar, foi ela quem botou fogo na notícia, enquanto a gravadora negava veementemente que Fonsi participaria.

Hoje a gente conhece a história completa: Érika queria adaptar a música do zero, mas acabou recebendo a versão que Israel Novaes já tinha escrito com o irmão. E ela conseguiu só “mexer um pouco, para ficar mais próximo do original”.

A gente só queria descobrir quem é o culpado por DES-PA-CITO ter virado DE-VA-GAR.

Despacito perdeu número 1 nos charts latinosmas…

Mesmo mais de um ano após o seu lançamento, ainda que digam que o mundo está cansado de ouví-la, a música ainda figura entre as mais baixadas no mundo todo. É mole?

Bônus: Luis Fonsi é muito mais do que Despacito

Essa todos os fãs de música latina sabem, não é mesmo? No Me Doy Por VencidoCorazón En La Maleta, Si No Te Hubiera Conocido (com a Christina Aguilera) e Quisiera Poder Olvidarme de Ti são músicas que todo mundo deveria conhecer.

E viva a música latina!

Listas

Dia Internacional dos Canhotos: os latinos que usam a mão esquerda

Published

on

Lucero é uma das latinas a comemorar o Dia Internacional dos Canhotos

Você sabia que em 13 de agosto é comemorado o Dia Internacional dos Canhotos? Estudos sugerem que entre 10% e 15% da população mundial utilize a mão esquerda para seus afazeres.

A curiosidade em torno das razões para uma pessoa nascer destra e outra canhota sempre existiu. Na Idade Média, acreditava-se que se uma pessoa tinha dominância pela mão direita ela era saudável e abençoada, enquanto os que preferiam a mão esquerda eram criaturas demoníacas e perversas.

Segundo um artigo publicado no portal IG, o canhotismo ainda é cheio de incógnitas para os cientistas. “Existem pesquisas que tentam entender o porquê do canhotismo ou do destrismo, mas nada pôde ser comprovado cientificamente”, diz o psicólogo especializado em Neurociências Márcio Toledo. Apesar disso, todos partem do princípio da teoria da lateralidade. “Ela pode ser definida como a preferência (e dominância) de cada pessoa por um dos lados do corpo – não só a mão”, afirma o psicólogo.

A lateralidade parte do princípio de que o corpo depende das atividades cerebrais para funcionar e, portanto, segue as ordens dele. O cérebro, por sua vez, é dividido em dois hemisférios: o direito e o esquerdo. O lado esquerdo dele coordena a parte direita do corpo, enquanto o direito coordena a parte esquerda do corpo.

Segundo a lateralidade, cada pessoa tem um maior comando por uma das partes do cérebro e é aí que se define quem é canhoto e quem é destro – os destros são comandados pelo lado esquerdo do cérebro e os canhotos pelo lado direito. Também há pessoas que têm a mesma dominância de comando dos dois hemisférios cerebrais e, portanto, têm a mesma facilidade em ambas as partes do corpo.

Complicado, não? O importante é que os britânicos começaram a celebrar essa minoria desde 1976 e como o LatinPop Brasil gosta de uma comemoração não vamos deixar a efeméride passar em branco, não é?

Veja 6 artistas latinos canhotos

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Continue Reading

Listas

3 motivos para ficar ansioso para o lançamento do novo single do Danny Ocean

Published

on

O novo single do Danny Ocean chega nessa sexta-feira

Segura essa ansiedade! Conseguiu?! Estreia nessa sexta-feira (10 de agosto) a nova música do Danny Ocean e seu primeiro single em inglês. É isso mesmo: dessa vez o espanhol fica um pouquinho de lado para conquistar de vez o coração do mercado americano.

Enquanto a batida de Me Rehúso toca insistentemente na sua cabeça (eu sei que está. Na minha também. É só falar nele que eu começo a ouvir a melodia), a gente listou três motivos para você contar as horas para o novo single do Danny Ocean.

3 motivos para ficar ansioso para o novo single do Danny Ocean

Vamos a eles?

1 – Mais uma música de amor / sofrência

Senta que lá vem história! O Danny Ocean nasceu na Venezuela, mas morou quase toda a infância na ilha de Saint Vincent & Grenadines e na Namíbia. Sim, é dessa mistura que vem o som que ele cria.

Ele voltou à Venezuela, mas por conta da situação política, social e econômica do país, ele tomou a decisão de tentar a vida nos Estados Unidos deixando tudo para trás. Ficaram a família, os amigos e a namorada, o grande amor da sua vida.

É por conta de toda essa história que as letras dele são de amor mas com sofrência. O novo single não é diferente. O Danny Ocean vai colocar todo mundo pra dançar, mas com uma pontinha de dor no coração.

2 – O sucesso de Me Rehúso

– A música latina com mais semanas (36!) no Top 50 do Spotify Global (sim, mais que Despacito).
– Mais de 680 milhões de reproduções no Spotify.
– 1,1 bilhão de reproduções do áudio oficial no Youtube. 128 milhões de views no videoclipe.
– Top 200 em no iTunes de 62 países. Número 1 em 17 deles.

Precisa falar mais sobre os números do Danny Ocean? É claro que a nova música também vai bombar!

3 – Ele já provou que não é one-hit wonder

Me Rehúso bombou tanto que quando o Danny Ocean anunciou outro single todo mundo se perguntou se ele seria mais um one-hit wonder, aqueles artistas que estouram com uma música e depois desaparecem.

Claramente não é o caso. É verdade que a comparação é quase sacanagem, mas Dembow também bombou e muito mundo afora! Ficou entre as mais baixadas em 31 países, top 50 no Spotify de 21 países.

E aí, quem também está ansioso pelo novo single do Danny Ocean?

Continue Reading
Advertisement

Playlists

Advertisement
X