Connect with us

Listas

Dia do Sexo – 7 músicas latinas pra lá de calientes

Published

on

Não é muito difícil entender porque elegeram 6 de setembro como o Dia do Sexo, não é? 6/9,  69… um clássico do Kama Sutra. Atualmente, a efeméride é apenas uma questão de marketing “lúdica”, mas em outros tempos era comemorada em outra data.

Segundo texto publicado no NE10, o Circulo Brasileiro de Educação Sexual tinha instituído o dia 20 de novembro para celebrar a reabilitação do sexo (??). Isso foi lá nos anos 1930, quando o assunto era um tabu muito maior do que nos dias atuais. Com a ditadura militar, a data foi abolida e só voltou a ser comemorada há oito anos.

Não dá para dizer que sexo é um assunto confortável, ainda que estejamos em pleno século XXI. Há muito a ser debatido, como a homossexualidade e a liberdade sexual feminina, por exemplo. O tema é fonte inesgotável para os artistas do mundo inteiro e a música latina não fica de fora.

São inúmeras as  canções que falam sobre sexo, mesmo que você ainda não tenha percebido! Outras não fazem a menor questão de esconder: é para apimentar o dia mesmo!

7 Músicas para deixar o Dia do Sexo ainda mais caliente

1 – La Mordidita (Ricky Martin feat Yotuel)

Sono la campana y el fin de semana se deja ver
Vestido, de traje, lujuria salvaje bajo mi piel.
Si dios, puso la manzana fue para morder.
Ay dios, pequemo’ abrazaditos hasta el amanecer…

2 – Xverso (Tiziano Ferro)

“Il tuo pensiero è qua e mi fotte e
Oramai Lo sai
Ora su
Ora giù
30 gradi Fahrenheit il tuo profumo…”

3 – Seducción (Thalia)

“No puedo resistir la tentación de tu piel,
Cuando me tocas mil cosas me provocas,
Yo me alejo para sentir alivio,
Y volver al aire tibio,
Calmar esta revolución…”

4 – Extasis (Pablo Alborán)

“Ardor que fue bajando hasta el cinturón
Que tú desabrochaste sin ningún pudor
Empapaste todas las ventanas de mi desordenada habitación
Éxtasis no salgo del asombro
De tu énfasis
En hacer conmigo todo lo que un día perdí
Jamás me ha dado alguien lo que tú me has hecho sentir…”

 

5 – Escondidos (Cristian Castro feat Olga Tañon)

“Escondidos, sólo por amor
La oscura habitación
Tu cuerpo, el mio
El tiempo de un reloj

Escondidos, solos tu y yo
Atrapados sin poder salir del interior
De tu interior
Mientras que hacemos el amor…”

6 – Mi Delirio (Anahi)

“Hoy voy a seducirte
Sin darme cuenta, sin darme cuenta
Te robaría un suspiro
Aunque sea el motivo de mi delirio
Oh, No se que va pasar
Cuando será, cuanto tiempo tendré que esperar
Para que enciendas la chispa que me hace explotar…”
7 – Calore (Emma Marrone)

“Voglio calore sulla mia pelle,
voglio le fiamme, voglio scintille.
E poi sparire senza fare rumore,
solo il tempo di capire quanto è grande il mio amore.
Ora spegni la luce e vieni a dormire,
che la notte è più breve se restiamo insieme…”

 

Listas

Blue Monday – 10 músicas latinas para o dia mais triste do ano

Published

on

Shakira, Laura Pausini e Aitana em uma playlist especial com músicas latina para a Blue Monday, o dia mais triste do ano

Você já ouviu falar em Blue Monday? Se não, a gente explica. Blue Monday é literalmente o dia mais triste do ano. Assim de direto. Ah, sim. E em 2019 ela é hoje, 21 de janeiro.

A expressão surgiu em 2005 em um press release da empresa Sky Travel, que alega que fez uma série de cálculos para determinar a depressão deste dia.

A Blue Monday quase todos os anos é a terceira segunda-feira do ano (mas já caiu também na segunda e na quarta). O “cálculo” aponta o dia em que “já passou aquela empolgação das festas e a realidade do ano novo, em que nada mudou, já bateu“.

Não, essa descrição não era pra deixar você triste mesmo. Mas é assim que é definido.

E como a gente sabe que tem gente que em dias de tristeza gosta mesmo de se afundar nas lágrimas, preparamos uma lista de músicas que… bem, animar não vão. Ops.

Blue Monday – 10 músicas latinas para o dia mais triste do ano

Si Tú no Estas Aqui – Rosana

Se você não está aqui, que diabos eu faço te amando?” Doeu, hein?

Jueves – La Oreja de Van Gogh

“Jueves é a história de amor que a gente nunca quis escrever“, explica o La Oreja de Van Gogh. E que história. Ela foi baseada no diário de uma das vítimas dos atentados aos trens de Madri em 11 de março de 2004. Ela estava apaixonada por um homem que tomava o transporte por ela.

Me Dediqué A Perderte – Alejandro Fernández

Com esse título, precisa falar mais?

No – Shakira

A colombiana narra como se sente uma pessoa quando ela tem o coração despedaçado. Se isso não é pra chorar…

La Solitudine – Laura Pausini

O Marco foi e não vai mais voltar. E ela fica como? Na sofrência.

Vas A Quedarte – Aitana

Em Vas A Quedarte, ela admite que errou e que o relacionamento acabou por culpa sua. Ela pede uma segunda chance e diz que dessa vez vai cuidar do relacionamento. O mais triste de tudo é que, apesar de Aitana nunca ter admitido com todas as palavras, Vas A Quedarte é uma história real.

A Gritos de Esperanza – Álex Ubago

Uma lista de músicas latinas tristes sem Álex Ubago não é uma lista de músicas latinas tristes. Seja pro Blue Monday ou não.

Tal Vez Te Acuerdes de Mi – Andrés Suárez

“Talvez você se lembre de mim e eu talvez me olvide de ti”. 

Caruso – Lucio Dalla

Nem todas as tristezas do mundo são por amores perdidos. Neste clássico italiano, é a despedida. Uma letra igualmente linda. E triste.

Sere Nere – Tiziano Ferro

As noites negras do Tiziano Ferro não poderiam faltar para fechar essa lista, né?

E aí, pra você qual é a música latina triste que não pode faltar nessa Blue Monday?

Continue Reading

Listas

Feliz cumpleaños, Manuel Carrasco! A evolução em 10 vídeos!

Published

on

Manuel Carrasco faz aniversário em 15 de janeiro




Manuel Carrasco é como bom vinho. Neste domingo, 15 de janeiro, o espanhol completa 38 anos com carinha de 20 e talento de gente grande! E não podemos esquecer que, agora, ele está de visual novo, sem as longas madeixas que o caracterizavam.

Nascido no pequeno povoado de Isla Cristina, província de Huelva, no extremo sul da Espanha, ele pouco lembra o jovem revelado na segunda edição do reality show Operación Triunfo, ainda na TVE, quando ficou atrás de Ainhoa Cantalapiedra.

O menino tímido virou artista do mundo. Fã confesso de Alejandro Sanz, suas principais atuações no programa foram com o repertório do ídolo, hoje amigo. E de lá para cá, mais de uma década depois, as transformações físicas de Carrasco acompanharam a evolução de sua música.

Quanto mais belo, mais boa música ele nos deu. Vamos relembrar a trajetória do andaluz, dono dos olhos verdes mais cativantes da música latina?

Feliz cumpleaños, Manuel Carrasco! Feliz aniversário!

1 – Corazón Partio (2003)

2 – Quiéreme (2003)

3 – Sabrás (2004)

4 – Y Ahora (2006)

5 – Que Nadie (2009)

6 – Otoño, octubre (2011)

7 –  Habla (2012)

8 – No Dejes de Soñar (2013)

9 – Ya No (2015)

10 – Me Dijeron de Pequeño

Bônus track – Mujer Extraña ao vivo

Se você nunca viu Manuel Carrasco ao vivo, não perca tempo. É uma metamorfose. Este vídeo é um clássico: Mujer Extraña foi o primeiro single do segundo álbum da carreira do cantor, intitulado com seu nome. Foi o início da transformação. As imagens foram gravadas em 2006 e não têm desperdício. Assistam do início ao fim!




Continue Reading
Advertisement

Playlists

Advertisement
X