Connect with us

Listas

5 coisas que precisam acontecer com Alejandro Sanz no Brasil

Published

on

2018 será movimentado para Alejandro Sanz

Não, ainda não estamos recuperados da notícia. Alejandro Sanz vem ao Brasil para o show especial que Ivete Sangalo está preparando para o Allianz Parque, em São Paulo, no dia 8 de dezembro.

Além do astro espanhol, também cantarão com Veveta Brian McKnight e o brasileiro Ferrugem.

Já faz cinco anos Sanz passou por aqui com a turnê La Música No Se Toca. Sirope não veio ao país, o que significa que estamos todos morrendo de saudades!

Então, listamos cinco coisas que precisam constar no checklist do artista de quase 50 anos por aqui. Vamos lá?

1 – Promoção

Ninguém sabe ainda quando sai o primeiro single do El Disco, como Alejandro está chamando seu novo projeto discográfico nas redes sociais. O clipe já está gravado, o que nos dá a esperança de que a estreia acontecerá em breve. Mas seja qual seja o cenário, precisamos dele falando sobre seu trabalho.

2 – Dueto?

Ok, já que ele estará por aqui, mais um dueto brasileiro para o novo álbum não estaria mal, não é mesmo?

3 – Sanz feat Veveta

Corazón Partio e No Me Compares, certamente, estarão no setlist da dupla no show. Mas que tal sonhar com Sanz cantando uma música da Veveta? Qual vocês escolheriam?

4 – Fãs

Não podemos nos esquecer que os fãs de Alejandro Sanz são fieis e estão esperando pelo seu retorno há muitos anos. Um meet não estaria mal, hein gente? Noite de autógrafos. Vamos providenciar, gravadora, produtora, todo mundo?

5 – Lo Que Fui Es Lo Que Soy

O documentário sobre a vida e obra de Sanz está disponível na Netflix, inclusive para o Brasil, e é uma aula de marketing musical. Ele precisa falar mais sobre a obra por aqui. E que tal uma sessão exclusiva com os fãs? Hein, hein?

E, de bônus, podem levá-lo para falar com a família Marinho para assinar contrato para ser técnico do The Voice Brasil. Experiência na área ele tem sobrando. Obrigada, de nada.

 

Listas

14 músicas pra você curtir o dia de São Valentim do seu jeito

Published

on

O Dia de São valentim com uma playlist pra você curtir. Não importa o seu status de relacionamento.

Hoje boa parte do mundo celebra o amor no Dia de São Valentim neste 14 de fevereiro. A data não tem nenhum simbolismo no Brasil, já que nosso dia dedicado aos enamorados é 12 de junho, mas quem se importa?

Nós listamos 14 músicas para você transformar esta Quarta-Feira de Cinzas em romantismo. Ou não. Nosso ranking também tem música pra dor de cotovelo e pra mandar beijinho no ombro pra quem te fez sofrer. Um viva a todas as formas de amor no Dia de São Valentim!

Dia de São Valentim para todos os gostos

1 – Il Regalo Più Grande (Tiziano Ferro)

“Devo partir, mas se eu tenho no seu coração a sua presença, é sempre chagada e jamais partida”. Seja em italiano ou em espanhol, que hinão, Tizi!

2 – Lo Saben Mis Zapatos (Pablo López)

“Eu quero te matar e ninguém sabe de nada. Quero te matar de amor…”. A música perfeita para se declarar para o crush.

3 – L’Amore Esiste (Francesca Michielin)

Uma aula do quê é o amor em sua forma mais pura e simples.

4 – Me Soltaste (Jesse y Joy)

O fim de um amor sempre dói. E encarar a dor é a melhor forma de fazer ela ir embora.

5 – A Te (Jovanotti)

Essa é para decorar e usar como discurso ou votos no casamento.

6 – Por Ti Estaré (Cepeda)

Uma declaração de amor à toda regra: estarei, estive e estaria. E tanto faz o que digam os outros.

7 – Tu Refugio (Pablo Alborán)

Porque não existe lista de músicas para o amor sem Pablo Alborán. E Tu Refugio é para qualquer tipo de amor. Não apenas o romântico.

8 – Quisiera Poder Olvidarme De Ti (Luis Fonsi)

Dedicada aos amores recém terminados. Porque também existe sofrimento no Dia de San Valentin!

9 – La Solución (Laura Pausini feat. Carlos Rivera) 

Só você é a solução. Fofos.

10 – Fatti Avanti Amore (Nek)

“Perfeitos como máquinas, vamos girar juntos como engrenagens. Temos olhos com os que vemos, mas se os fechamos nós nos reconhecemos”. Precisa falar mais?

11 – Corazón Bipolar (Paty Cantú)

Nossa homenagem aos solteiros no Dia de São Valentim! Porque nenhum adjetivo define melhor o seu coração do que bipolar.

12 – Amorfoda (Bad Bunny)

O título pode soar horrível em português, mas preste atenção na letra. Um hino para os “desapaixonados” neste São Valentim.

14 – De La Tierra Hasta Marte (Alfred García)

Se a @ entender o trocadilho do título já pode ajoelhar e pedir em casamento.

14 – Grande Amore (Il Volo)

Dispensa explicações.

Continue Reading

Listas

5 tweets virais (ou não) de 2019 que provam que os fãs não esqueceram o RBD

Published

on

Mais de 10 anos depois, os fãs ainda não esqueceram o RBD

(Antes de mais nada, aquele disclaimer maroto que este post exige, né minha gente. Não, euzinha não estou dizendo que alguém esqueceu o RBD. Mas só que a coisa segue MUITO, mas MUITO, mas MUITO intensa mais de uma década depois).

Mas é aquilo né minha gente. Enquanto o Pedro Damián enrola a gente trabalha para terminar o documentário do RBD e os ex-integrantes tentam sabotar o projeto, a gente faz o que? Espera. Espera. Espera. Espera.

Porque o que mais tem no mundo é Dia do Amigo e rumor de que “agora vai” o documentário. Só que ninguém acredita mais, só vendo. Mas também não perde a esperança. Porque é aquilo: a gente é brasileiro e não desiste nunca. #clichê

Enquanto isso, na melhor rede social aka o Twitter, os posts sobre o RBD continuam bombando. Fica aí a dica, Pedro Damián, Anahi, Dulce Maria, Maite Perroni, Alfonso Herrera, Christian Chávez e Christopher Uckermann. E fica também a dica pro SBT reprisar Rebelde e pra Netflix colocar essa bagaça logo no ar.

5 tweets de 2019 que provam que os fãs não esqueceram o RBD

1. Anahi, Dulce Maria e Maite Perroni trendsetters

“Famosos lançam moda com fotos de biquíni na neve”. Me poupe, se poupe nos poupe que as nossas já faziam isso muito antes de ser modinha.

2. Você viveu ou apenas sobreviveu?

Um hino é um hino, né mores?

3. Pausa para o drama do documentário

Sabe aquele meme do Titanic, já faz 84 anos? Então. A gente que so vai ver esse documentário do RBD quando já estiver usando bengala.

4. Rebelde melhor do que qualquer escola de idiomas

Bebê, eu sou formado em espanhol graças aos meus anos de Rebelde, Maria do Bairro, Café com Aroma de Mulher e afins.

5. Somos todos Diego Bustamante

Vida de adulto é assim. Computador pra pagar os boleto, beber e chorar. Diego Bustamante me representa.

Agora que estamos aqui no fim do post, vai o desabafo: parem de mimimi e façam esse reencontro do RBD logo. Grata. ✌️

Continue Reading
Advertisement

Playlists

Advertisement
X