Conecte com a gente

Listas

13 hits da música latina que completam 10 anos em 2018

Publicado

em

2008 foi um ano muito louco para a música latina

Está pronto para se sentir velho? Então vamos a uma afirmação dolorosa: todos os hits da música latina que você encontrar nessa lista estão completando 10 anos em 2018. E alguns deles já são verdadeiros clássicos.

Acredite: vai parecer que algumas delas foram lançadas ontem. Outras vão dar saudades. Mas o fato é: você vai se sentir idoso. Ah, vai…

15 hits da música latina que completam 10 anos em 2018

A Te – Jovanotti

Quando a música é boa, ela não precisa ser complicada. E essa é uma das músicas italianas mais bonitas não apenas de 2008, mas sim da última década. É aquilo: arranje um mozão que escreva uma música como A Te para você. Já pode casar.

Empezar Desde Cero – RBD

Se a gente for ser bem preciso, Empezar Desde Cero foi lançada no disco homônimo em 2007. Mas ela só virou single em janeiro de 2008, então está valendo, certo fãs do RBD?

Baila El Chiki Chiki – Rodolfo Chikilicuatre

Você acha que brasileiro gosta de trolar na internet? Pois em 2008 os espanhóis mostraram como fazer isso como ninguém quando a TVE decidiu escolher seu representante no Eurovision no já esquecido MySpace.

Qualquer um poderia se inscrever. Qualquer um mesmo e por isso acabou entrando no meio o personagem Rodolfo Chikilicuatre, vivido por David Fernández. Ele bateu a favoritíssima Coral Segovia (Todo Está En Tu Mente) e… mais um musicão que a gente já vai ver já já.

E, vamos admitir? Todo mundo já bailou o chiki chiki por aí e sabe de cor a coreografia até hoje.

La Revolución Sexual – La Casa Azul

Aqui está o musicão que a gente falava. Oficialmente La Revolución Sexual foi lançada em novembro de 2007, mas a música “pertence” a 2008, quando foi candidata a representar a Espanha no Eurovision. Uma música que fala de ser quem você é, amar quem você ama e ponto final. Desde então ela é um (merecidamente) um hino que não deixa ninguém parado.

No final de 2017, a música voltou a bombar na Espanha depois de ser cantada como Opening da Gala 5 do Operación Triunfo.

Invece No – Laura Pausini

Uma das músicas mais inesquecíveis da discografia da Laura Pausini. A letra, inspirada e dedicada à sua avó Teresa, já falecida, fala sobre o sentimento de todos aqueles que sofrem por não terem conseguido dizer aquilo que gostariam para alguém que já se foi.

Se Invece No não mexe com você, talvez seja sinal que você não tem coração.

One, two, three, go! – Belanova

Além de ter um clipe super divertido, a música do Belanova inspirou o nome de uma das colunas aqui do LatinPop Brasil. Precisa falar mais?

No Me Doy Por Vencido – Luis Fonsi

Nove anos antes de revolucionar o mundo da música latina (e mundial!) com Despacito, o Luis Fonsi era um porto-riquenho magrinho que cantava músicas românticas e que estava lançando seu sétimo disco de estúdio, Palabras del Silencio. Disco, aliás, que tem colaborações com Laura Pausini, Aleks Syntek, Noel Schajris e David Bisbal.

O primeiro single do álbum, No Me Doy Por Vencido, virou um dos maiores clássicos da carreira de Luis Fonsi (e é mesmo um musicão daqueles!)

Tenía Tanto Que Darte – Nena Daconte

As voltas que o mundo dá… Mai Meneses foi a primeira eliminada na segunda edição do Operación Triunfo, em 2002. Seis anos depois, ela escreveu e lançou Tenía Tanto Que Darte. Mesmo lançada em setembro, essa foi a música espanhola mais escutada de 2008. E esse nem foi o primeiro hit do grupo, que já tinha lançado canções como Idiota e En Que Estrella Estará.

É aquelas histórias da série: parece que o jogo virou não é mesmo queridinha?

El Último Vals – La Oreja de Van Gogh

Além de ser um musicão, El Último Vals é um marco na carreira do La Oreja de Van Gogh. Depois do anúncio da saída de Amaia Montero do grupo, esse foi o primeiro single que eles lançaram já com a nova vocalista, Leire Martínez.

Deu tão certo que eles estão na mesma formação desde 2008 e continuam como um dos principais grupos de pop rock da música latina.

Non Ti Scordar Mai Di Me – Giusy Ferreri

Escrita por Tiziano Ferro e Roberto Casalino, Non Ti Scordar Mai Di Me foi lançado por Giusy Ferreri quando ela ainda competia na primeira temporada do X Factor Itália. Ela pode não ter levado o prêmio principal, mas 10 anos depois a música é um clássico do pop italiano e Giusy continua sendo uma das artistas mais tocadas nas rádios de lá.  O grupo que venceu o programa, Aram Quartet, se dissolveu dois anos depois.

Peter Pan – El Canto Del Loco

Se os próprios Dani Martín e David Otero consideram essa a melhor música do disco Personas, o último de inéditas do El Canto Del Loco, quem somos nós para discordar? (Aliás, vale ouvir também a versão com o Leiva, lançada um ano depois).

Absurda Cenicienta – Chenoa

O disco Absurda Cenicienta foi lançado no final de 2007, mas a faixa-título só foi virar single no começo do ano seguinte, 2008. A música é aquele bom cortavenas espanhol, daqueles que a Chenoa faz melhor que ninguém. A letra fala sobre o sentimento ao descobrir que o amor não é aquele conto de fadas das histórias infantis.

Recadinho pra alguém? AHEM…

Hate that I love you – Rihanna feat. David Bisbal

Não é de agora que os “gringos” colam na música latina para bombar nos países que falam espanhol. E se tem alguém que curte uma colaboração dessas é o David Bisbal. Que o digam Rihanna, Jessica Simpson e até Miley Cyrus.

Bônus: Senhora do Mar (Vânia Fernandes)

Aqui no LatinPop Brasil a música portuguesa sempre tem vez! Se em 2017 Salvador Sobral ganhou o Eurovision, em 2008 foi Vânia Fernandes que fez os europeus começaram a olhar Portugal com outros olhos no Festival. Também pudera… É só apertar o play no vídeo e entender o porquê.

E aí? Que música latina que bombou em 2008 faltou na lista? Deixe aqui nos comentários ou nas nossas redes sociais!

Listas

8 músicas latinas para acompanhar a Copa da Rússia

Publicado

em

Uma coisa é certa: a Copa da Rússia será ao som de música latina

Quem acompanha o LatinPop Brasil sabe: o que não falta é música latina para acompanhar Copa da Rússia. De todos os estilos e países, um monte de artistas lançou singles pensando especialmente na empolgação com os jogos.

E como a gente aqui adora música boa e futebol, preparamos um guia para ninguém se perder no meio de tantos ritmos. Fica a dica para animar a galera nos intervalos das partidas. Porque a gente só espera que não role nenhum 7×1 dessa vez, né?

7 músicas latinas para acompanhar a música Copa da Rússia

1 – Live It Up – Nicky Jam com Era Istrefi e Will Smith

Que bonito, que alegria, que beleza. Falamos de música latina e vocês me começam com uma em inglês? Mas é Nicky Jam. E é o hino oficial da Copa. Não dava pra ser diferente.

2 – Se Vive Mejor – Antonio José e Juan Magán

Melhor aumentar a latinidade dessa lista. E para isso, nada melhor do que essa mistura de estilos do Antonio José com o Juan Magán. Porque o pop aflamencado com um pouquinho de eletrolatino funciona melhor do que pode parecer.

3 – 90 Minutos (Fútbol Mode) – Prince Royce feat. ChocQuibTown

E por falar em mistura boa…

4 – Colors – Jason Derulo e Maluma

Muita gente achou que essa seria a música oficial da Copa da Rússia. Na verdade ela é “apenas” a música dos comerciais da Coca-Cola. Mas é da Copa. Então não poderia faltou.

5 – Positivo – J Balvin

Vocês realmente acharam que o J Balvin iria ficar de fora dessa? Pois acharam errado. E ele foi um dos primeiros, hein?

6 – Y Dale Alegría a Mi Corazón – Lali

O difícil aqui é acompanhar a letra com a Lali e não cantar a versão que as torcidas cantam nos estádios, inclusive Brasil e fora…

7 – El Gladiador Mexicano – Maná

Apaixonadíssimos por esportes, o Maná também tem uma música criada especialmente para apoiar a seleção mexicana!

8 – Vamos Por La Estrella – Sofia Reyes, Paty Cantú e Kap G

E por falar em México…

 

E ainda dá tempo de lançar a sua música para a Copa da Rússia, viu Shakira? #Dica

Continuar Lendo

Listas

Copa do Mundo: os representantes latinos no Mundial da Rússia

Publicado

em

Copa do Mundo: veja um representante da música de cada país latino do Mundial

Vai começar a Copa do Mundo de 2018 e se existe uma coisa que a gente sabe que todo latino gosta é música e futebol!

Nesta edição, os países com idiomas oriundos do latim serão 11, incluindo o Brasil. E, para nossa tristeza visual e auditiva, não teremos a tetracampeã Itália, que não conseguiu a classificação para participar do evento.

E tem música boa para onde quer que a gente olhe. Que tal passear pela cultura musical dos nossos hermanos?

Os latinos na Copa do Mundo da Rússia: um representante musical para cada país
Argentina

Lali? Tini? As musas todo mundo já conhece. Que tal exaltar o talento do Luciano Pereyra, um dos nomes mais respeitados do mercado latino?

Luciano Pereyra

Maestro em qualquer ritmo!

Colômbia

A Colômbia está na moda. De lá, além dos veteranos Shakira (saudades!) e Juanes, são os superastros J Balvin e Maluma. Mas que tal ouvir algo diferente do país que mais exporta música latina atualmente?

Morat 

Uma das melhores bandas do momento sim, claro ou com certeza?

Costa Rica

Falou em música da Costa Rica, o primeiro nome é o dela: Debi Nova!

Debi Nova

Diva sim!

Espanha

Daria para fazer uma lista inteirinha só de bons embaixadores da música espanhola para a Copa do Mundo, mas aqui a gente é team Alvaro Soler, ok?

Alvaro Soler

Mozão, dono dos melhores hits, crush e todos os adjetivos que vocês quiserem!

França

Sim, monamour, o francês também é um idioma latino. Aqui no LatinPop Brasil, você acompanha as novidades musicais do país na coluna mensal Uh La La! A gente ainda não esqueceu 1998, mas nem por isso vamos deixá-los de fora da lista, né?

Madame Monsieur

México

Ufa, aqui complicou! Como escolher um único embaixador musical mexicano? Tá, vamos com dois: os irmãos Huerta, Jesse y Joy!

Jesse y Joy

Reis da sofrência, mas que sabem emocionar em qualquer ritmo!

Panamá

Aqui não tem pra ninguém: o dono é Joey Montana!

Joey Montana

E a melhor parte: ele ama futebol!

Peru

E vocês acharam que não teríamos nenhum representante peruano nessa lista? Vem conhecer a Anna Carina!

Anna Carina

Aquela descoberta que você respeita!

Portugal

Ora, pois! E tem música portuguesa muito boa, sim senhores!

D.A.M.A.

Música delicinha!

Uruguai

Aqui é fácil. Embaixador do Uruguai na Copa, na música, no mundo todo.

Jorge Drexler

Um gênio, apenas!

Mas, LatinPop, e o Brasil?

É claro que tem brazuca nessa lista! E, por falta de um, vamos com dois dos nossos embaixadores no mercado latino atual: Nego do Borel e Anitta! E com Wesley Safadão de brinde!

Agora é bola rolando e muita música para acompanhar a maratona futebolística!

Continuar Lendo
Anunciantes
Anunciantes
X