Connect with us

El Baúl De Los Recuerdos

Memórias de quando conheci Gloria Estefan

Published

on

Gloria Estefan Autografando

Era agosto de 1998. Eu estava no primeiro colegial. O dia eu não me recordo. Na verdade, só lembro o mês exato porque descobri vídeos no Youtube, mas não vem ao caso. Antes de um dos dois intervalos que tinha no colégio, passaram um comunicado que participaríamos da gravação do Programa Livre, do Serginho Groisman, ainda no SBT, e que a convidada especial seria Gloria Estefan e teriam apenas tantas vagas para os primeiros tantos que preenchessem uma ficha de participação.

Nesse momento meus olhos se arregalaram e meu coração bateu mais forte. Mal consegui me concentrar na aula, esperando apenas o sinal bater parar descer as escadas correndo e entregar o papel para a responsável. Talvez nem precisasse de tanta correria, talvez não tivesse tanta gente interessada, porque até meu irmão foi, até meu irmão fez pergunta!

Já no dia, estava empolgada! Não via a hora de chegar no estúdio e de ver Gloria Estefan de perto. Eu e minhas colegas de classe fizemos “amizade” com os backing vocals, estávamos bem atrás deles e ficamos conversamos um pouco naquela mistura de português e espanhol sobre música e os instrumentos musicais que estavam lá.

O que será que ela iria rolar? O que a vocalista do Miami Sound Machine iria cantar? Alguma das antigas? Bad Boys (1995)? Gosto bastante dessa música, mas às vezes, me lembra aquela cena bizarra da cortina do filme Três Solteirões e um Bebê. Ou será que cantaria algo mais antigo como Rhythm Is Gonna Get You (1987)? Ou ainda algo mais lento como Don´t Wanna Loose You? Poderia até mesmo cantar Reach, música tema das Olimpíadas de Atlanta e que fez bastante sucesso, inclusive com uma versão interpretada por diversos artistas, entre eles, Roberto Carlos.
Como estava aqui para divulgar o trabalho da época, Gloria!, dublou cantou Heaven’s What I Feel (duas vezes), Don’t Stop e Oye!. As musicaram eram lançamento, não sabia cantar direito todas, se fosse hoje, poderia ter passado vergonha diante das câmeras.
Entre uma música e outra, perguntas e respostas, eis que surge apresentadora Eliana para tirar foto com a cubana com sua Polaroid das Spice Girls. Para mim, ao menos, uma das cenas memoráveis daquele dia. A Gloria até dançou É o Tchan! Nesse dia!

Eliana Gloria Estefan Polaroid Spice Girls 2Polaroid 600 Spice Girls (5)
Além disso, teve o fato marcante (para mim) de quase ser expulsa das filmagens porque pisei no palco para pedir autógrafo para minha ídola, que concedeu sem reclamar e, além disso, disse para não ligara para a produção, dando uma piscadinha para mim.
Respondendo a uma fã, Gloria contou que entraria em turnê em 2000, dando a entender que voltaria ao Brasil. Estou esperando até hoje. Disso eu não me esqueço!
Gloria Estefan esteve na premiação do Grammy 2014, concorrendo com seu trabalho mais recente, The Standards, álbum lançado em 2013 onde ela canta Eu Sei Que Vou Te Amar em português. Nesse mesmo ano, The Way You Look Toninght foi trilha sonora de O Rebu, da Rede Globo. Ainda em 2013, esteve mais uma vez no Brasil, no programa Encontro com Fátima Bernardes.
Até hoje, eu e meu irmão “brigamos” para saber quem era mais amigo da Glorinha, claro, muito íntimos os dois!

Clipe futurista de Corazón Prohibido, versão espanhola de Heaven´s What I Feel (1998)

Hoy (2003)

Músicas de Gloria Estefan que já estiveram em trilhas sonoras de produções da Globo:
Bad Boy – Cambalacho
Words Get in the Way – O Outro
1-2-3 – Bebê a Bordo

Don’t Wanna Lose You – Top Model
Toda Pra Você – Mico Preto
Conga – Tropicaliente
Con Los Años Que Me Quedan – Sonho Meu
Everlasting Love – Quatro por Quatro
It’s Too Late – História de Amor

Reach [Remix] – Malhação (1997)
Feelin’ – Pecado Capital
Por un Beso – América
Reach – Sete Pecados
Hotel Nacional – Avenida Brasil
The Way You Look Tonight – O Rebu

X