Principal / Colunas / El Baúl De Los Recuerdos / De Despacito a La Mordidita – música latina no diminutivo
Despacito já é um dos 5 videoclipes mais vistos da hitória
Imagem: Reprodução

De Despacito a La Mordidita – música latina no diminutivo

Esses dias estava escutando a discografia da Julieta Venegas e me deparei com a música Suavecito, que eu não me recordava que existia. E, antes mesmo de escutá-la, logo me veio na cabeça sabe o quê?

Pasito a pasito, suave suavecito

Nos vamos pegando, poquito a poquito

Pois é… a música do momento…

Despacito – Luis Fonsi com Daddy Yankee

Aí eu fiquei pensando: será que existe muitas músicas no diminutivo? As pessoas costumam cantar com letras no diminutivo? No Brasil temos esse costume? Acho que só conheço duas… Beijinho Doce e Só No Sapatinho… tem mais?

Em espanhol tem, sim!

Tem La Mordidita, do Ricky Martin. Música de 2015, do álbum A Quien Quiera Eschuchar.

La Mordidita – Ricky Martin

Tem também uma parecida de nome, porque a música é totalmente diferente, La Monedita, da La Santa Cecilia. Essa é de 2013, e o álbum é o Treinta Días. A banda é mexicana e traz uma mistura de ritmos latinos além de bossa nova.

Pra lembrar mais uma vez a letra de Despacito, temos Poquito A Poquito, com a dupla Sonny & Vaech. E, assim, ela é um pouco mais antiga que o sucesso atual.

Así despacito de poquito en poquito
Así despacito te me vas metiendo en el corazón

Nessa onda, tem ainda Poquito A Poco, do Estopa, lançada em 1999, no álbum que leva o mesmo nome da banda, além de outra com o mesmo nome, do colombiano Omar Geles.

Daí já me lembrei de Santa Lucía, do Miguel Rios, porque tem “Poquito a poco” na letra. Essa já é um pouco mais antiga, de 1980, e está no disco Rocanrol Bumerang.

Voltando com os títulos de canções com diminutivo, Chayanne e Luis Miguel gravaram, cada um sua versão, de Amorcito Corazón, originalmente composta para o filme mexicano Nosotros Los Pobres, de 1948, com Pedro Infante.

Caminito, tango interpretado por Carlos Gardel, de 1926, pode parecer uma homenagem para a tradicional rua de Buenos Aires, que à época era bem diferente de como vemos hoje. Mas é, na verdade, inspirada na cidade de Olta, província de La Rioja, também na Argentina e que tem um monumento chamado Caminito.

Julio Iglesias também gravou essa música em 1976, para o disco America.

E, para finalizar, Manuel Carrasco canta Uno x Uno. Do disco de 2015, Bailar El Viento. Essa também não tem diminutivo no nome, mas tem na letra, então está valendo!

En cada momentito 
Que tú me tienes y estás conmigo
Lluvia de estrellas que se disparan
Dilo bajito que me hace falta
Dilo bajito que me hace falta

Uno x Uno – Manuel Carrasco

Será que tem mais músicas nesse diminutivo? Se você souber, me conta! 😉

Comentários

comentários

Ver também

Luis Miguel está de volta após 3 anos e muita polêmica

La Fiesta Del Mariachi é o novo single de Luis Miguel

Não foi um hiato fácil para Luis Miguel, mas três anos após o lançamento de …

X