Connect with us

El Baúl De Los Recuerdos

De Bon Jovi a Michael Jackson: gringos cantando em espanhol

Published

on

Neste domingo trago, mais uma vez, alguns artistas internacionais cantando em espanhol. O mercado hispânico é muito promissor e os artistas adoram cantar em outra língua para conquistar ainda mais fãs.

Para começar, uma das bandas de rock mais queridas dos anos 1980 e 1990. Bon Jovi nos presenteia com suas versões cantadas em castelhano. Bed Of Roses se tornou Cama de Rosas, do álbum Keep The Faith, de 1992, já This Ain’t A Love Song se chama Como Yo Nadie Te Ha Amado, do álbum These Days, de 1995. Vocês que me digam se foi uma boa ou não ele se arriscar no espanhol, se a voz macia dele também encanta nessa língua ou não.

Bed Of Roses (Cama de Rosas) – Bon Jovi

 

Michael Jackson também se arriscou no espanhol. O eterno rei do pop gravou uma versão de I Just Can’t Stop Loving You, do disco Bad, de 1987, intitulada Todo Mi Amor Eres Tu.

A canadense Céline Dion, que já representou a França no Eurovisión cantando em francês, também se arrisca no espanhol, versionando sua regravação de All By Myself, do álbum Falling Into You, de 1996, original de Eric Carmen (1975). A versão latina fica Sola Outra Vez.

No ano seguinte, em seu quarto disco, Let’s Talk About Love, encontramos Amar Haciendo El Amor.

Tem também Aun Existe Amor, que em inglês originalmente se chama A New Day Has Come, do disco homônimo, de 2002, depois de um período de pausa na carreira para se focar na maternidade.

Sola Outra Vez – Celine Dion

 

Mariah Carey, que logo menos desembarca no Brasil para primeira vez para alguns shows no país, cantando ao lado do Il Volo, tem um pezinho de origem latina, pelo lado do pai, que é descendente de venezuelanos. Ela poderia explorar muito mais esse lado e cantar mais em espanhol para atrair ainda mais público, o problema é que ela não sabe espanhol. E já explico!

Heroe foi a primeira música da cantora em espanhol, gravada dois anos após o lançamento do álbum Music Box (1993), de onde foi tirada Hero, a versão em inglês.

My All foi composta para o sétimo álbum, intitulado Butterfly, de 1997. Essa música tem traços de músicas latinas, perfeita para a versão em espanhol, Mi Todo. Perfeita seria se não tivessem erros gramaticais no primeiro verso, o que traumatizou a cantora em se arriscar outras no idioma. Ela, na época, anunciou que só voltaria a gravar em espanhol quando fosse capaz de pronunciar bem as palavras e não tivessem erros.

Em 2013, a cantora superou seu trauma e lançou seu 14º álbum de estúdio, #Beautiful, onde fez uma versão latina para a música homônima, conhecida como Hermosa. Desta vez a produção foi maior, até com clipe especial para a versão.

Hermosa – Mariah Carey

 

Kylie Minogue foi outra a se render a uma versão em espanhol. Um dos hinos da cantora australiana, por que não traduzir também para o espanhol e fazer ainda mais universal? Foi o que ela fez com All The Lovers, de 2010, do álbum Aphrodite, que traz o nome de Los Amores.

Phil Collins podia cantar sempre em espanhol. Com essa voz doce e suave, parece que nasceu bilíngue e domina o espanhol! You’ll Be In My Heart, música vencedora do Oscar de melhor canção, como trilha do filme Tarzan, de 2002, ganhou versões em espanhol (En Mi Corazón Viverás), em italiano, em francês e em alemão.

Bom, ao menos achei que foi dos melhores a cantar em espanhol nessa minha lista de hoje. O que acham?

 

X