Connect with us

El Baúl De Los Recuerdos

Como conheci o Eurovision, e a participação dos ex-triunfitos

Published

on

Estilismo de Edurne no videoclipe de Amanecer, canção que representará a Espanha no Eurovision 2015

A primeira vez que fiquei sabendo do Eurovision foi em 2002, quando assistia o Operación Triunfo na TVE. Nesse mesmo ano, Rosa, vencedora do OT 1 representou a Espanha com Europe’s Living A Celebration e conquistou a sétima posição.

Mas foi só ao longo do programa, do processo de escolha do participante do OT 2 e da música que representaria o país no festival em 2003 que comecei a acompanhar mais tudo isso. Ainhoa foi a grande vencedora do programa da TVE, mas como teve problemas na voz, ela mesma chegou a pedir que votassem em outro dos finalistas:  Manuel Carrasco ou Beth (segundo e terceiro colocados). A escolhida para representar foi Beth Rodergas, como Dime, música que ficou em oitava posição no festival.

Já na terceira edição do programa (2003), o segundo colocado representou o país, Ramón del Castillo, cantando Para Llenarme De Ti no Eurovision 2004. Nesse ano a Espanha ficou na 10ª posição do festival Eurovision.

Revendo algumas apresentações, lembrei-me aqui de como esse ano Foi Magia para a Eurovision, com Sofia Vitória, vencedora do Operação Triunfo 2 de Portugal representou seu país. Portugal não tem muita tradição em bons resultados no festival e, dessa vez não foi diferente, não conseguiu pontuação suficiente para a final.

Acho que o que faltou para o Ramón foi dançar mais… tipo isso… Não acredito que Sakis Rouvas representou novamente a Grécia em 2009… Bem, mas isso não vem ao caso. O foco aqui é falar de Espanha.

Nesse mesmo ano, um ex-participante do programa Operación Triunfo esteve novamente representando a Espanha no Eurovision Song Contest, com Soraya Arnelas, do OT 2005, cantando La Noche Es Para Mi. A cantora conseguiu o 23º lugar entre 25 participantes.

Para não dizer que não teve outro ex-triunfito antes, Gisela, participante da primeira edição do Operación Triunfo da Espanha, representou Andorra em 2008, com a canção Casanova. Ela cantou na semifinal, mas não conseguiu votos suficiente para a grande final.

Em 2014, há exatamente um ano, foi a vez de Ruth Lorenzo representar a Espanha no Eurovision, com Dancing In The Rain (que ficou na 10ª posição). Ela, por sua vez, que também ficou conhecida por um reality show musical, o X Factor britânico de 2008, chegou a participar dos castings do OT2, mas não foi selecionada.

Já falamos aqui no LatinPop tudo sobre Edurne e sua música que representará a Espanha este ano, Amanecer. Ela também é ex-triunfita da mesma edição do Operación Triunfo da Espanha que Soraya…

Em março deste ano, ainda, Rosa voltou a representar a Espanha no Eurovision, no especial Eurovision’s Greatest Hits, em Londres, para celebrar os 60 anos do festival. Ela cantou um medley com os clássicos, como La, La, La, Eres Tú, Vivo Cantando e, como não poderia faltar, sua música, Europe’s Living a Celebration.

Foi Magia!

X