Connect with us

El Baúl De Los Recuerdos

9 músicas do Operación Triunfo 1 e suas originais

Published

on

OT El Reencuentro marca os 15 anos do Operación Triunfo 1

Por esses dias tivemos os especiais do OT 1 – El reencuentro, seguido pelo tão aguardado show, que deixou a galera toda que acompanhava o programa polvorosa. Como lidar com aquelas apresentações?

Nem todo mundo se lembrava de todas as músicas. E muita coisa foi deixada, claro, não ia dar tempo de cantar tudo.

Mas qual a versão melhor? Do programa ou a original? Ou depois de 15 anos a versão in concert conseguiu superar todas versões anteriores?

Selecionei algumas músicas cantadas em espanhol que fizeram parte do programa e desse concerto memorável. E você opina qual é a melhor!

Operación Triunfo 1 – Original x Versão

1 – Corazón Espinado

É uma canção do Carlos Santana, em parceria com o Mana, foi lançada em 1999, no álbum Supernatural do guitarrista. No Operación Triunfo 1, foi cantada por David Bustamante e Álex na segunda gala do programa. Já na turnê dos triunfitos e nesse último concerto, foi interpretada por todos os participantes do sexo masculino.

2 – Héroe

Versão em espanhol de Hero, que já falei aqui outro dia, foi a primeira música em castelhano da Mariah Carey. Já quando Natalia cantou no programa, parece que não foi muito bem-vinda, porque foi a responsável por sua eliminação.

3 – Noches de Bohemia

Interpretada pelo grupo andaluz Navajita Plteá e retirada do álbum Desde Mi Azolea, do Navajita Plateá. No OT1, foi uma das músicas mais aclamadas, cantada por um dos duetos mais queridos do programa, Manu Tenorio e Nuria Fergó. Sem dúvida uma das melhores do concerto da semana passada.

No vídeo abaixo, da gala, Manu deu uma “escorregadinha” no começo da música, entrando adiantado, mas nada que tirasse qualquer brilho dos dois!

4 – ¿Y si fuera ella?

Clássica do Alejandro Sanz, de 1997, do álbum Más, seu quarto de estúdio. David Bisbal deu sua voz a ela na gala 10 e, depois, nos concertos.

5 – Sueña

Trilha sonora da animação da Disney O Corcunda de Notre Dame ou, em espanhol, El Jorobado de Notre Dame, interpretada por Luis Miguel, lançada em 1996. Rosa e Chenoa soltaram a voz nessa música logo na gala 3, emocionando a todos, podemos dizer que até hoje.

6 – Santo, Santo

Música da Gloria Estefan com o Só Pra Contrariar, do Alexandre Pires, lançada em 1999, no álbum em espanhol do grupo brasileiro, Juegos de Amor. Já no Operación Triunfo, foram Rosa e Manu Tenorio que se juntaram na gala 2 para interpretar essa canção.

7 – Vivo Por Ella

Uma das mais conhecidas do Andrea Bocelli, lançada em 1995, em seu álbum Bocelli, em italiano (Vivo Per Lei), cantada com Giorgia. Ele já cantou também com uma dezena de outras artistas, como Marta Sanchez e Sandy, entre outras.

E o dueto do Operación Triunfo 1 ficou com conta de Gisela e Bustamante, na gala 5. No concierto do Reencuentro, Busta até cantou em tom mais alto, quase um tenor, vestido com trajes de gala.

8 – Vivir Lo Nuestro

Marc Anthony lançou essa música em 1994, em seu disco Dicen Que Soy. Nessa ocasião, interpretou com a porto-riquenha La India. Também da gala 5, quem cantou desta vez com Rosa foi David Bisbal.

9 – Escondidos

Música da Olga Tañon. Ela já cantou com o Christian Castro, Luis Fonsi, até mesmo com David Bisbal. Foi outro dos duetos mais queridos do programa e talvez a música mais esperada para o reencontro dos participantes do Operación Triunfo 1, pela “química” que rolava entre Chenoa e David Bisbal.

E aí: original ou cover?

X