Connect with us

De Reina Para Reina

6 hits que a Lucero deveria incluir em seu show no Brasil

Published

on

Mesmo longe, Lucero aparece entre os assuntos mais comentados do Brasil

Alohaaaaaa Brazeeel!!!! Pára tudo!

Ops! Roubei o bordão da minha prima Gaby Gazolla sim (família né mores)

Porque só a loucura da Gaby pra poder descrever a euforia que a equipe LatinPop Brasil ficou ao saber que a deusa Lucero está prestes à desembarcar aqui no nosso país!

Já diziam os reis dos anos 90 aqui no Brasil: Ela é um aereoró pleaplan neonó, um avião!

A eterna Chispita chegará no pedaço com tudo! Mais precisamente no dia 28, a mexicana desembarca por aqui para dar continuidade às gravações de Carinha de Anjo e divulgar seu novo álbum em português. E no dia 6 de Setembro acontecerá um único show na cidade de São Paulo.Confira mais detalhes aqui.

Cantora, atriz, simpática, fofíssima! O currículo de Lucero é tão completo quanto a beleza e o carisma que carrega.

A promessa é que nesse show seja apresentado todas as faixas do seu álbum mais recente, chamado Brasileira e alguns dos seus clássicos em espanhol. Tenho certeza que não sou apenas eu, mas também os Lucerinos de plantão estão curiosos pra saber o que essa mulher vai cantar nesse show! Porque fala sério, Lucero arrasa no pop latino, na banda e no nosso pop brasileiro.

6 hits que não podem faltar no show da Lucero em São Paulo

Cruzem os dedos para ela ler isso antes do show e pensar com carinho sobre a tracklist!

Vete com Ella

Originalmente interpretada pela rainha americana Bette Midler, a canção Chapel of love ganhou uma versão em espanhol na voz de Lucero no ano de 1988, um louvor que levou multidão de fãs a dançar e dedicar essa canção para aquele ex-namorado embuste que passou pela nossa vida. Sem dúvidas essa hit deixaria o público brasileiro extasiado!

Cuéntame

Papiripao!

Essa é a palavra que antecede o refrão de um dos seus maiores sucessos no México, Cuéntame é uma canção que conta com um clipe carregado de sensualidade (e que corpo viu Dona Lucero? O Ômega 3 tá em dia né?). O sucesso do álbum que carrega o mesmo nome foi tão grande que ainda é um dos mais procurados da artista no México.

Ni un roce (Nem um toque)

Brasil? Presente! Sim, a canção originalmente interpretada por Rosana, porém regravada em espanhol na voz de Ana Gabriel no início dos anos 90. Presente no álbum Aquí Estoy, que conta com os maiores sucessos de Ana na voz de Lucero, Ni un roce é uma canção imprescindível para ser cantada em terras brasileiras, levando o público a se perder na letra assim como eu até hoje, que costumo ouvir nos dois idiomas! Risos.

Evidências 

Evidências já foi tombada como patrimônio nacional? Não sei, mas deveria. Você se lembra quando foi que aprendeu a cantar essa música? Nem eu, já está no sangue brasileiro queridinhos! Mas queremos em português, ok Lu?

Covers de vários artistas

Além de Ana Gabriel, que já foi homenageada em um álbum exclusivo na voz de Lucero, a rainha mexicana sempre investiu em covers ou medleys em seus shows. Prova disso é ao álbum Mi Secreto de amor, que em seguida foi relançado com o título My Passion for México, que conta com covers de Marco Antonio Solis, Son by Four, Célia Cruz, Elefante e Elvis Crespo. Em seus ábuns ao vivo, é muito fácil encontrar uma faixa em formato medley homenageando o queridíssimo Juan Gabriel. Dançar o “Noa Noa” no melhor estilo “banda” será sucesso? Sim ou claro?

Não me deixe ir/No me dejes ir

Tanto a faixa original em espanhol quanto em português não entraram na lista de canções do álbum Brasileira. Estamos tristes? Sim, mas amém Spotify. O hino em sua versão em português tem uma letra perfeita, um sotaque praticamente imperceptível, consegue tocar o coração de todos que a ouvirem, ideal para aquele momento do show em que os casais apaixonados dão aquele aperto de bem forte na mão do seu parceiro e com os olhos carregados, deixando a letra dizer por si o que um sente pelo outro. (Ok, estou chorando, tá feliz Lucero?)

Besos de lentejuelas!

De Reina Para Reina

10 artistas que gravaram em espanhol e acertaram em cheio (e outros nem tanto)

Published

on

Demi Lovato já gravou em espanhol

Hola mis reinas!

Dezembro já chegou e eu não vejo a hora de cair de boca no peru…

Imagem relacionada

Ai gente, perdão, eu to me tornando o que mais temia: o tio que faz a piada do pavê na ceia! #oremos

Brincadeiras a parte, vamos ao que interessa!

Na tentativa de conquistar o mercado hispânico, muitos artistas que não são latinos regravaram seus próprios sucessos em espanhol. Alguns ficaram legais, outros nem tanto, e um ou dois por aí ficou realmente um desastre (ao longo do texto vocês saberão quem são).

Lista? TEMOS! E bem grande! Confiram:

10 artistas que gravaram em espanhol e acertaram em cheio (ou não)

1 – Beyoncé

Deusa, militante, feminista, parceira da Shakira, não tem como falar mal. Quem lembra o sucesso que Beautiful Liar foi em 2007? Talvez trabalhar ao lado de Shakira, tenha inspirado Bey a gravar em espanhol, tanto que na era B’Day ela lançou algumas faixas em espanhol, inclusive ao lado de Alejandro Fernandez para a trilha sonora da série Zorro, la espada y la rosa.

E não para por aí! Vejam só:

2 – Bon Jovi

Reizinho do Hard Rock, também escolheu uma das suas mais belas canções para cantar em espanhol, This Ain’t a Love song se transformou em Como Yo Nadie Te Ha Amado.

3 – Abba

O grupo sueco esteve em atividade entre os anos 70 e 80, mas que até hoje faz sucesso (solta um Dancing Queen na balada que até hétero encorpora a diva que carrega dentro de si). O álbum Oro “Grandes Exitos” é composto pelos maiores sucessos do grupo na versão em espanhol.

4 – Spice Girls

A girlband mais famosa do mundo (sim, aceitem), também deu uma palhinha em espanhol, por mais fofinha que a faixa Seremos 1 los 2 seja, não teve muita repercussão no mercado latino.

5 – Backstreet Boys

Os 5 homens mais lindos do mundo (de acordo com quem vos escreve), decidiram gravar I’ll Never Break Your Heart em espanhol, Nunca Te Hare Llorar ganhou até clipe oficial.

6 – Demi Lovato

Olha, honestamente eu nem sei o que falar, ouso dizer que Rascacielo (Skyscraper) ficou melhor que a original! Apreciem!

7 – Toni Braxton

Quem nunca chorou  com Unbreak my Heart não tem história pra contar! Se em inglês já nos deixa emocionado, imagina em espanhol, um idioma que consegue deixar tudo mais lindo!

8 – Roxette

Assim como Abba, a banda sueca liderada por Marie Fredriksson e Per Gessle, também lançou um álbum com a versão em espanhol dos seus maiores sucessos: Baladas en Español.

9 – Madonna

Rainha do pop mundial, e disso todo mundo já sabe, também teve um dos seus maiores sucessos do álbum Music, lançado em 2000, What it Feels Like for a Girl ganhou uma versão espanhol (Lo que Siente la Mujer), mas que não ficou lá uma Brastemp. Confiram:

10 – Mariah Carey

Dona e proprietária da Billboard Hot #100, com 18 dos seus singles em primeiro lugar na lista musical mais importante do mundo, também arriscou lançar dois dos seus principais sucessos em espanhol: Hero e My All

Por hoje é só! Vocês se lembram de mais artistas que gravaram em espanhol?

Besos de lentejuelas!

Continue Reading

De Reina Para Reina

Horóscopo – 5 astros da música latina do signo de Sagitário

Published

on

Dulce Maria esteve ontem no The Noite com Danilo Gentili

Hola mis reinas!

Hoje eu acordei um pouco astrólogo, você quer João Bidu?

O sol chegou em Sagitário e nessa época do ano nascem as pessoas mais festeiras que você conhecerá em toda sua vida! Conhecidos pela fama que carregam de festeiros que levam, devemos ressaltar que Sagitário não é só balada e vodka como muitos pensam! Liberdade, aventura e compreensão são as palavras ideais para caracterizar as pessoas nascidas sob esse signo.

Um sagitariano raiz não sabe lidar bem com a rotina, o pavor de viver sempre “na mesma” é algo que ronda o dia-a-dia deles! E gente que só reclama? Deus os livre! Não tem signo do zodíaco mais good vibes do que Sagitário!

Dificilmente você conseguirá notar se eles não estão em um dia bom, pois se preocupam muito em transparecer sempre sua alegria e positividade. Mesmo irritados (signo de fogo né mores), seus surtos de raiva passam tão rápidos que podem nem ser notados.

Jamais, nunca e em hipótese alguma tente PRENDER um sagitariano à sua rotina, ou a seus problemas. Por mais empáticos que sejam, eles nunca tomam pra si a vida de outra pessoa. Um relacionamento com o sagitariano (seja namoro ou amizade) é uma troca de valores e compreensão, ele pode até entrar no seu “mundo”, mas você precisa entrar no dele.

Se Sagitário fosse uma música?

Agora vamos conhecer alguns artistas latinos que nasceram sob esse signo?

Os famosos da Música Latina do signo de Sagitário

Dulce Maria

A nossa eterna Roberta Rey é quem abre essa lista. A ruiva que conquistou o Brasil durante a exibição da novela Rebelde nasceu dia 6 de Dezembro de 1985 na Cidade do México. Ela é muito sagitariana e esse fato pode ser entregue até mesmo pelo nome dos seus dois primeiros álbuns Extranjera e Sin Fronteras, pois não existe signo que mais viaje no intuito de novas aventuras como esse!

Alejandro Sanz

O rei da música latina nasceu dia 18 de Dezembro de 1968 em Madrid. Sanz é um homem com o coração do tamanho do seu sucesso e de pulso firme que só um sagitariano consegue ter.

De 30 anos de carreira, há praticamente 20o Brasil se tornou um dos países com a maior concentração de fãs do ícone espanhol. 

Julieta Venegas

Julieta Venegas tem 46 anos e nasceu na Califórnia. Ela cresceu na região de Tijuana (México) é a dona de hinos latinos como Andar Conmigo e Eres Para Mi. Seu espírito aventureiro e desapegado (típico de Sagitário) reflete no videoclipe de Me Voy em que a cantora aparece rompendo um relacionamento e indo embora de balão, confiram:

Paty Cantú

Nascida no dia 25 de Novembro de 1983, Paty teve seu nome conhecido ainda quando era integrante da banda Lu. Após o início de sua carreira solo, Paty conquistou um público fiel, que se for preciso, encarnam o sagitariano e viajam ao seu encontro independente do país onde seu ídolo esteja.

Christina Aguilera

A diva que nomeou os seus fãs de Fighters nasceu em NY no dia 18 de Dezembro de 1980. Filha de um equatoriano que servia ao exército americano, a cantora cresceu com influência direta da cultura latina e habituada ao idioma espanhol.

No ano de 2000 a cantora apostou em investir no mercado latino com Mi Reflejo. É coisa de sagitariano aventurar-se dessa maneira, pois era o segundo álbum de sua carreira. Porém seu trabalho com o idioma espanhol não parou por aí, confiram o dueto ao lado de Alejandro Fernandez que conquistou o mundo:

Besos de lentejuelas!

Continue Reading
Advertisement

Playlists

Advertisement
X